Siga as Redes Sociais

Entretenimento

Ingrid Guimarães: ‘Quando a Lei Rouanet acabar, a cultura vai parar nesse País’

Redação Encarando

Publicado

em

A atriz Ingrid Guimarães posicionou-se a respeito da Lei Rouanet durante entrevista ao programa Pânico da última segunda-feira, 22.

“As pessoas são mal informadas a respeito da lei. Essa frase ‘mamar na teta’ não existe. Eles acham que a lei dá dinheiro pra gente direto. Gente, você tem que prestar conta de tudo que você fez”, afirmou.

Segundo Ingrid, a lei seria um dos pilares da produção cultural no Brasil atualmente: “As pessoas demonizaram a Lei Rouanet e sem saber a importância que ela tem. A verdade é essa. Quando a Lei Rouanet acabar, se é que ela vai acabar, você vai ver como a cultura vai parar nesse País.”

“Acho que a gente pode repensar a Lei Rouanet. Esculhambaram sem saber, sem informação suficiente. Acho que a Lei Rouanet tem que ser revista, sim, tem algumas falhas, o pequeno artista fica um pouco desprezado, porque as empresas não querem colocar dinheiro em um artista desconhecido. Eu fui essa artista e vivi isso”, opinou.

Por fim, a atriz citou o caso do musical Annie, que estrelou ao lado de Miguel Falabella em 2018: “foi pela Lei Rouanet, que empregava 200 pessoas. O que ele gera também de impostos que essas pessoas pagam é enorme. Se acabar, vai ser muito pior.”

Falabella também saiu em defesa da lei recentemente: “As pessoas ficam falando besteira da Lei Rouanet. Tem coisas erradas? Tem sim, mas como um todo, é uma m***? Não é, não. Bem usada, ela é maravilhosa, 10% dos ingressos são destinados a pessoas que jamais foram ao teatro”.

O que é a Lei Rouanet?

A Lei Rouanet ou Lei de Incentivo a Cultura é uma medida que institui o Pronac (Programa Nacional de Apoio à Cultura) e estabelece um conjunto de regras de como o governo federal deve liberar verba para artistas ou instituições culturais. Essa norma foi criada em 1991 e recebeu o nome pelo autor da liberação, o então secretário de cultura, Sérgio Paulo Rouanet.

Fonte: Isto É

Famosos

Maiara e Fernando Zor estão com Covid, diz colunista

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Maiara, da dupla com Maraisa, e o namorado Fernando Zor, estão infectados com Covid-19, como informou uma nota publicada pela jornalista Fábia Oliveira, esta terça-feira (27).

De acordo com a colunista, o casal está neste momento em isolamento social e está bem.

A informação ainda não foi confirmada oficialmente, nem por Maiara, nem por Fernando.

De acordo com a revista Quem, que entrou em contato com a assessoria de imprensa de cada um dos artistas, a mesma disse que ainda não tinha conhecimento do sucedido.

Fonte: Notícias ao Minuto

Continue Lendo

Famosos

Kevinho aparece sem lente de contato nos dentes e vira meme na web

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Kevinho divertiu seus seguidores ao aparecer em alguns stories sem lente de contato dos dentes (imagem em destaque). O cantor postou uma sequência de vídeos em um consultório odontológico e explicou que precisou tirar as lentes para trocá-las por outras, mais naturais.

O funkeiro foi o primeiro a brincar com a situção comparar os dentes naturais com “dentinhos de tubarão”. Depois, compartilhou outras edições dos fãs, comparando-o a personagens como Baby Shark, fenômeno infantil do Youtube, e Baby Dinossauro, da série A Família Dinossauros.

Veja memes!

Fonte: Metrópoles

Continue Lendo

Famosos

Zeca Pagodinho notifica candidato por usar seu nome em campanha

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

O cantor Zeca Pagodinho notificou judicialmente um  candidato a vereador de São Caetano do Sul, cidade da Região Metropolitana de São Paulo, que estava usando seu nome para a campanha eleitoral.

Osmar da Silva Lima é eletricista e jornaleiro. Contou que o apelido é usado há mais de 20 anos, por conta da semelhança física que ele tem com o sambista. No site do TSE , o postulante ao cargo não faz mais nenhuma referência ao cantor.

Segundo Caio Mariano , advogado que representa o cantor, foi enviado um ofício para Osmar pedindo que pare de usar imediatamente o nome ‘Zeca Pagodinho’ em sua campanha política.

“Ele está fazendo uso do nome artístico nacionalmente conhecido no intuito de causar uma confusão no eleitorado, visto que o Zeca Pagodinho não é e nunca foi candidato. Pedimos que ele mude imediatamente o nome de campanha e se ele não atender, vamos entrar com uma medida judicial”, afirmou Caio para o EXTRA.

Na notificação, é dito que Zeca não se envolve ou faz declarações sobre questões políticas para evitar ataques na internet.

O candidato do PDT se diz triste com a retirada do apelido na campanha, já que 12 anos atrás, em 2008, utilizou o nome “Zeca Pagodinho” quando concorreu, sem sucesso, ao cargo de vereador em Suzano (SP) e não recebeu qualquer intimação da equipe do cantor.

Fonte: Ig

Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat