Siga as Redes Sociais

Entretenimento

Modelo Caroline Bittencourt está desaparecida

Redação Encarando

Publicado

em

Caroline Bittencourt, modelo brasileira, está desaparecida após cair de uma lancha no litoral de São Paulo, durante tempestade que atingiu parte do Brasil nesse domingo (28).

Em contato feito pela revista Quem, o comandante Goulart, delegado da Capitania dos Portos em São Sebastião, confirmou a informação. “Procede o desaparecimento da Caroline Bittencourt e já foi aberto um SAR (Search and Rescue) e uma equipe Star nossa está fazendo buscas em coordenação e cooperação com o Grupamento Marítimo do Corpo de Bombeiros”, afirmou.

“Ela caiu do barco e o marido tentou salvá-la, mas não conseguiu e depois foi resgatado. Só os dois estavam no barco. É possível que ela esteja viva, mas foi levada pela correnteza”, completou. Além da explicação do comandante, a mãe de Carol também confirmou o desaparecimento em entrevista a Record.

Na manhã do último domingo, ela chegou a postar um Stories, mostrando o deque de um barco. A modelo ficou conhecida por ser expulsa do casamento de Ronaldo Fenômeno e Daniela Cicarelli em 2005.

Fonte: Isto É Gente

Entretenimento

Meghan acusa realeza de racismo e diz que pensou em suicídio

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Reprodução/YouTube

Meghan Markle, esposa do príncipe Harry, revelou que pensou em se matar enquanto estava grávida de Archie. Em entrevista divulgada neste domingo (7), a duquesa de Sussex disse que a família real britânica de racismo ao se recusar a dar o título de príncipe e proteção ao bebê por conta da cor de sua pele.

A atriz de 39 anos, cuja mãe é negra e o pai branco, disse que era ingênua antes de se casar com a realeza em 2018, mas que acabou tendo pensamentos suicidas e pensou em se machucar depois de implorar por ajuda ao Palácio, mas não obteve nenhuma.

Meghan disse que seu filho Archie, agora com um ano de idade, teve o título de príncipe negado porque havia preocupações dentro da família real sobre “como sua pele poderia ficar escura quando ele nascesse”.

“Isso foi passado para mim por Harry, essas foram as conversas que a família teve com ele”, contou Meghan.

Meghan se recusou a dizer quem expressou tais preocupações, assim como Harry. Ele disse que sua família os cortou financeiramente e que seu pai, o príncipe Charles, herdeiro do trono britânico, o decepcionou e se recusou a atender suas ligações em determinado momento.

Quase três anos desde seu casamento repleto de estrelas no Castelo de Windsor, Meghan descreveu alguns membros não identificados da casa real como brutais, mentirosos e culpados de comentários racistas.

Ela também acusou Kate, a esposa do irmão mais velho de seu marido, o príncipe William, de fazê-la chorar antes do casamento. Embora a família recebesse críticas abertas, nem Harry nem Meghan atacaram a rainha Elizabeth diretamente.

Ainda assim, Meghan disse que foi silenciada pela “empresa”- que Elizabeth dirige – e que seus pedidos de ajuda enquanto estava sofrendo com reportagens racistas e sua situação não foram ouvidos.

“Eu só não queria mais estar viva. E esse foi um pensamento constante muito claro, real e assustador. E eu me lembro de como ele (Harry) apenas me embalou”, disse Meghan, enxugando as lágrimas.

‘Realmente decepcionado’

O anúncio de Harry e Meghan em janeiro de 2020, de que pretendiam se afastar de seus papéis reais, colocou a família em uma crise. No mês passado, o Palácio de Buckingham confirmou que a separação seria permanente, já que o casal busca construir uma vida independente nos Estados Unidos.

Harry, de 36 anos, disse que eles se afastaram dos deveres reais por falta de compreensão e que estava preocupado com a história se repetindo – uma referência à morte de sua mãe Diana, que foi morta em um acidente de 1997 enquanto seu carro fugia de perseguindo fotógrafos.

Questionado sobre o que sua mãe diria sobre os acontecimentos, ele respondeu: “Acho que ela ficaria muito zangada com a forma como isso aconteceu e muito triste”. Ele se sentiu “realmente decepcionado” com o pai.

Harry negou ter enganado a rainha Elizabeth, sua avó, com sua decisão de evitar a vida dentro da monarquia, mas disse que o príncipe Charles parou de atender suas ligações em um ponto.

“Tive três conversas com minha avó e duas com meu pai antes de ele parar de atender minhas ligações. E então ele disse, você pode colocar tudo isso por escrito?”

Os detratores dizem que o casal queria os holofotes, mas não estava disposto a viver com a atenção que isso atraiu. Para os apoiadores, seu tratamento mostra como uma instituição britânica desatualizada atacou uma mulher birracial moderna e independente.

Mentiras e lágrimas

Também houve alegações de intimidação contra Meghan, que apareceram no jornal The Times durante a preparação para a aparição do casal. O Palácio de Buckingham disse que investigaria as alegações, acrescentando que estava “muito preocupado”.

Meghan disse a Winfrey que as pessoas dentro da instituição real não apenas falharam em protegê-la contra alegações maliciosas, mas mentiram para proteger os outros.

“Foi apenas quando nos casamos e tudo começou a piorar de verdade que compreendi que não apenas não estava sendo protegida, mas que eles estavam dispostos a mentir para proteger outros membros da família”, disse Meghan.

Meghan negou uma reportagem de jornal que ela fez Kate, duquesa de Cambridge, chorar antes do casamento e disse que foi um ponto de viragem em suas relações com a mídia e o palácio.

“O inverso aconteceu”, disse Meghan. “Poucos dias antes do casamento, ela (Kate) estava chateada com alguma coisa referente a questão dos vestidos de florista, e isso me fez chorar. E realmente feriu meus sentimentos.”

Meghan, que disse que não foram pagos para a entrevista, admitiu que não tinha percebido com o que estava se casando quando se juntou à monarquia britânica e “entrou nisso ingenuamente”.

O casal também revelou que Meghan está grávida de uma menina.

Harry disse que Meghan o “salvou” de sua vida real aprisionada, mas ela tem outra visão. “Eu discordo, acho que ele salvou todos nós. Você tomou uma decisão que certamente salvou minha vida”, disse Meghan.

Reação da família real sobre a entrevista

O Palácio de Buckingham não fez comentários imediatos sobre a entrevista, que foi ao ar nas primeiras horas da manhã de segunda-feira (8) na Grã-Bretanha.

A transmissão de duas horas foi a entrevista real mais esperada desde que a falecida mãe de Harry, a princesa Diana, compartilhou detalhes íntimos de seu casamento fracassado com Charles em 1995, prejudicando a reputação do herdeiro e a posição da família aos olhos do público britânico.

Assista a entrevista:


Fonte: R7 com Reuters

Continue Lendo

Big Brother Brasil

Paredão falso do ‘BBB21’ tem Carla Diaz, João Luiz, Caio e Arthur

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Reprodução

O tão aguardado paredão falso se formou na noite deste domingo (7), no “BBB 21”. A atriz Carla Diaz, o professor João Luiz, o fazendeiro Caio e o instrutor de crossfit Arthur estão na berlinda que, desta vez, de certa forma, é positiva. O mais votado pelo público vai sair do programa “de mentirinha”.

Rodolffo, o líder da vez, foi surpreendido por Tiago Leifert com a notícia de que precisaria escolher um representante da Xepa e um do Vip para o paredão. Ele indicou Carla, dizendo que lhe faltou “coerência e lealdade”, e João Luiz, por ser a pessoa de seu atual grupo com quem tem menos afinidade.

Leia mais:  

A atriz e o professor não puderam participar da Prova do Bate e Volta por terem sido votos da liderança. E ambos tiveram que dar contragolpes. Carla, então, puxou Caio para o paredão, afirmando que ele a interpretou mal. João indicou Pocah, a quem considera “uma incógnita no jogo”.

Arthur, que imunizou Projota com o colar do Anjo, foi quem recebeu mais votos da casa, quatro no total.

No Bate e Volta entre Caio, Pocah e Arthur, Pocah levou a melhor e se salvou da berlinda. A prova tinha três etapas. Primeiramente, os confinados tinham que abrir malas. Quem encontrasse um card, passava para a segunda rodada, que consistia em acessar laptops. Aí, quem abrisse o equipamento e encontrasse o card, passava para a última fase. Desta vez, só um totem possuía o card correto, o da vitória.

Emparedados ganharão bônus

No paredão falso, o brother ou sister mais votado pelo público deixará a casa temporariamente, ficando escondido em um quarto secreto. Lá, poderá obter informações privilegiadas do jogo, ao “espiar” os cômodos por meio de câmeras. Só que sem áudio. Quando quiser ouvir os diálogos, o(a) privilegiado(a) precisará pedir cards para a produção. Essa pessoa vai poder usar seis vezes um card de permissão para ouvir duas horas de conversas, num total de 12 horas de áudio. O(a) poderoso(a) também ganhará direito a um veto do anjo. Ou seja: poderá anular, em um prazo de duas semanas, a decisão do anjo de imunizar alguém, uma vez.

O segundo e o terceiro mais votados pelo público escaparão do veto da prova seguinte do líder. Já o menos votado do paredão falso, ou seja, o quarto colocado, terá peso duplo em seu voto no confessionário. Portanto, cada voto dado por ele em uma pessoa da casa valerá por dois, num prazo de duas semanas.

Fonte: Extra

Continue Lendo

Famosos

Delegado diz que tiro acidental causou morte de assessor de Leonardo

Avatar

Publicado

em

Investigação preliminar da Polícia Civil de Goiás (PCGO) descarta possibilidade de suicídio ou homicídio e reforça a tese de tiro acidental como causa da morte do assessor e amigo do cantor sertanejo Leonardo, Newton Rodrigues Silva Passini, o Passim.

O fato ocorreu na madrugada dessa quinta-feira (4/3), na Fazenda Talismã, que pertence ao cantor, situada na cidade de Jussara (GO), a 220 quilômetros de Goiânia.

O delegado Kléber Toledo, do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Itaberaí (GO), esteve na fazenda, junto à equipe da Polícia Técnico-Científica, para fazer a perícia do local. “A morte decorreu de um manuseio incorreto e imprudente de arma de fogo. Como não se trata de homicídio, o caso será remetido à delegacia local para concluir o inquérito”, afirmou o delegado.

Um fato que agravou o caso teria sido a ausência de atendimento médico. A fazenda fica em uma área afastada da cidade, o que dificultou a chegada de assistência.

Além disso, a investigação apurou que Passim foi atingido por tiros de uma Glock 380, por volta das 2h da madrugada, e só foi encontrado às 12h30. Outras três pessoas – uma delas seria o cantor Leonardo – estavam na fazenda, mas dormindo em cômodos distantes. Todas serão ouvidas como testemunhas.

Fonte: Metrópoles

Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat