Siga as Redes Sociais

Esporte

Porto Alegre se prepara para ‘invasão argentina’ na Copa América

Redação Encarando

Publicado

em

Levantamento feito pelas autoridades revela que mais de 6 mil argentinos já estão com reservas confirmadas em hotéis de Porto Alegre para o período da Copa América. Como muitos torcedores ficarão hospedados em residências de amigos e familiares e até em motorhomes, a estimativa é de que 20 mil argentinos “invadam” a capital gaúcha.

Por isso, o policiamento será reforçado na fronteira do Rio Grande do Sul com o país vizinho e a partida Argentina x Catar, dia 23 de junho, na Arena do Grêmio, coloca as autoridades do Estado em alerta.

“Já estamos trabalhando fortemente nessa questão. Nossa geografia nos traz alguns desafios por causa da fronteira com Uruguai e Argentina, o que acaba estimulando a entrada de torcedores desses países no Brasil. Assim, vamos fazer um monitoramento mais detalhado”, explica o delegado Leonel Carivali, coordenador do escritório da Copa América montado pela Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Sul. O órgão conta com dez profissionais responsáveis pelo planejamento operacional do torneio.

Outro jogo que tem merecido atenção especial das forças de segurança é Uruguai x Japão, dia 20 de junho. Porto Alegre vai receber cinco partidas da Copa América. Se o Brasil se classificar na liderança do Grupo A, disputará as quartas de final na cidade. Cada jogo deverá ter mais de mil homens na segurança, de acordo com Carivali. Para efeito de comparação, em São Paulo serão destacados 800 policiais por partida.

Para ajudar no esquema de segurança, 500 agentes baseados no interior gaúcho deverão ser transferidos para Porto Alegre durante o torneio.

No próximo dia 9, a seleção brasileira disputa no estádio Beira-Rio amistoso contra Honduras. Será o último jogo do time de Tite antes da estreia na Copa América. “Aproveitaremos essa partida para mobilizar todo o aparato de segurança como preparativo final para a Copa América”, diz Carivali.

Fonte: Notícias Ao Minuto

Esporte

Campeã olímpica Sarah Menezes dá à luz sua primeira filha em Teresina

Avatar

Publicado

em


Nesta sexta-feira (14), a primogênita do casal judoca, Sarah Menezes e Loïc Pietri, nasceu após parto cesárea em Teresina. A pequena campeã, Nina Menezes Pietri, nasceu com 2,484kg e 46cm, às 19h31.

O parto foi acompanhado pelo noivo de Sarah, o campeão mundial de judô pela seleção francesa, Loïc Pietri.

Em novembro de 2020, o casal anunciou a gravidez. Na época os dois atletas ainda buscavam vagas para as Olimpíadas, em Tóquio. A pausa na carreira da atleta piauiense marcou simbolicamente sua aposentadoria da seleção brasileira de judô.

Continue Lendo

Futebol

Tite convoca a Seleção para duelos contra Paraguai e Equador; Veja lista!

Técnico divulgou a lista de atletas para próximos compromissos pelas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022.

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Tite divulgou a convocação da seleção brasileira nesta sexta — Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Depois de quase sete meses, a Seleção masculina voltou a ser convocada para jogos das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022. Na manhã desta sexta-feira, o técnico Tite anunciou os 24 jogadores que defenderão o Brasil diante do Equador, dia 4 de junho, em Porto Alegre, e contra o Paraguai, no dia 8, em Assunção.

As grandes novidades da convocação são o retorno do atacante Gabigol, do Flamengo, e do lateral Daniel Alves, do São Paulo. O meia Lucas Paquetá, que vive boa fase no Lyon, e Fred, do Manchester United, também estão de volta. Lucas Veríssimo, do Benfica, foi chamado pela primeira vez na carreira, sendo o único desta lista que jamais havia sido convocado.

A relação conta com 24 atletas para contemplar a presença do meia Douglas Luiz, que está suspenso e só poderá enfrentar o Paraguai.

Veja a lista completa:

  • Goleiros: Alisson (Liverpool), Ederson (Manchester City) e Weverton (Palmeiras);
  • Laterais: Daniel Alves (São Paulo), Danilo (Juventus), Alex Sandro (Juventus) e Renan Lodi (Atlético de Madrid);
  • Zagueiros: Éder Militão (Real Madrid), Lucas Veríssimo (Benfica), Marquinhos (PSG) e Thiago Silva (Chelsea);
  • Meias: Casemiro (Real Madrid), Douglas Luiz (Aston Villa), Everton Ribeiro (Flamengo), Fabinho (Liverpool), Fred (Manchester United) e Lucas Paquetá (Lyon);
  • Atacantes: Everton Cebolinha (Benfica), Roberto Firmino (Liverpool), Gabriel Barbosa (Flamengo), Gabriel Jesus (Manchester City), Neymar (PSG), Richarlison (Everton) e Vini Jr (Real Madrid).

A CBF ainda confirmou que os jogadores convocados se apresentarão no próximo dia 27, na Granja Comary, em Teresópolis. Desta forma, a princípio, aqueles que atuam no Brasil desfalcarão suas equipes nas duas primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro, no duelo de ida da terceira fase da Copa do Brasil e possivelmente no confronto de volta.

O Brasil é líder das Eliminatórias da Copa do Mundo após quatro rodadas, com 100% de aproveitamento, somando 12 pontos. Nos primeiros quatro jogos, a Seleção superou Bolívia (5 a 0), Peru (4 a 2), Venezuela (1 a 0) e Uruguai (2 a 0).

O último jogo da Seleção foi em 17 de novembro de 2020, quando venceu o Uruguai por 2 a 0, fora de casa. O Brasil voltaria a campo em março deste ano para enfrentar Colômbia e Argentina, mas a 5ª e a 6ª rodadas das Eliminatórias foram adiadas por conta do agravamento da pandemia de coronavírus.

A lista divulgada nesta sexta é válida apenas para os dois jogos das Eliminatórias, e o Brasil terá até o dia 10 de junho para enviar a relação de convocados para a Copa América. O anúncio para o público, porém, será feito um dia antes, em 9 de junho. O ex-jogador Clodoaldo será o chefe de delegação da Seleção nestes dois jogos.

Fonte: GE

Continue Lendo

Futebol

Após sete meses de paralisação, seleção mira Eliminatórias e Copa América

O técnico Tite tem a missão de preparar a equipe para os confrontos do dia 4 de junho, contra o Equador, em Porto Alegre e depois, no dia 8, para encarar o Paraguai em Assunção

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Divulgação

Passados mais de sete meses desde a sua última partida (o último jogo foi nos 2 a 0 sobre o Uruguai, em Montevidéu, no dia 17 de novembro de 2020), a seleção brasileira volta a ser assunto com a convocação da lista de jogadores para os jogos eliminatórios da Copa do Mundo de 2022, marcado para esta sexta-feira, às 11h na sede da CBF. Por conta da pandemia da covid-19, a Fifa e a Conmebol optaram por cancelar a quinta e a sexta rodadas das Eliminatórias, que estavam previstas para os dias 25 e 26 de março. Agora, com essa retomada, o técnico Tite tem a missão de preparar a equipe para os confrontos do dia 4 de junho, contra o Equador, em Porto Alegre e depois, no dia 8, para encarar o Paraguai em Assunção.

Pela tabela anterior à paralisação, o Brasil enfrentaria a Colômbia no dia 25 de março e a Argentina seria o seu adversário da sexta rodada. A Conmebol, agora, marcou a volta da competição com jogos da sétima e da oitava rodadas. Esses serão os últimos confrontos da seleção brasileira antes da disputa da Copa América. O torneio será disputado de 13 de junho e 20 de julho e as partidas estão previstas para acontecer na Argentina e na Colômbia.

A convocação passa por uma renovação que o treinador vem realizando aos poucos. Desde o título da Copa América em 2019, no Brasil, novos nomes vem ganhando espaço enquanto jogadores mais rodados começam a sair de cena. Veteranos como Cassio, Daniel Alves, Filipe Luís, Miranda, Fernandinho e William não foram chamados para os jogos das Eliminatórias da Copa.

A expectativa fica por conta de nomes que vêm se destacando no Brasil, como são os casos de Gabigol e Gerson do Flamengo. Casemiro e Vinícius Júnior, do Real Madrid são peças também dadas como certa nesta nova fase de trabalho do treinador. Á única certeza é que diante da renovação feita, Neymar segue como principal nome do grupo.

“O Neymar amadureceu muito e ampliou a área em que atua e, além de artilheiro, cria jogadas para os demais. Ele ampliou a área em que atua e, além de artilheiro, cria jogadas para os demais. Ele agora é o que chamamos de ‘arco e flecha’ – ele pode armar e terminar as coisas. Ele aumentou seu arsenal”, afirmou o treinador no início de março deste ano.

Goleiro de quatro Copas do Mundo e também com passagem pelo comando técnico da seleção, Emerson Leão vê Tite bem preparado para colocar a casa em ordem após essa paralisação. “O problema é nenhum. O Tite tem um conhecimento muito grande dos seus jogadores. O cuidado a ser tomado é sobre o comportamento dos atletas em relação ao isolamento nesse período.”

No entanto, Leão falou que a dificuldade pode aparecer mesmo é fora de campo. “Acho que vai ser complicado conseguir a liberação dos clubes para cederem os atletas. Eles não estão querendo liberar os jogadores nem para as Olimpíadas”, comentou o ex-goleiro.

Já a expectativa do ex-são-paulino Silas é sobre a convocação. Ele entende que alguns atletas que estão atuando no Brasil têm condições de defender a seleção brasileira.

“O Gabigol está numa fase muito boa e merece uma nova chance. Volante pela esquerda, aponto o Gerson para jogar com o Casemiro no meio-campo. Temos ainda o Pedro, que é uma ótima opção para jogar na área. Agora minha expectativa está na lateral direita. Quem ele vai chamar. Tem o Gabriel Menino do Palmeiras. Não sei se ele vai chamar os veteranos. São atletas de muita qualidade, mas acho que está na hora de uma renovação”, comentou o ex-jogador que defendeu o Brasil nos Mundiais de 86, no México e de 90, na Itália.

Para o ex-volante Elzo, titular da seleção brasileira na Copa de 86, Tite vai encontrar um pouco de dificuldade principalmente pela falta de treinamento com seus atletas. “Fui jogador de seleção brasileira e sei da importância desses dois títulos. Acredito na força da seleção, mas acredito que vai precisar de um pouco de superação. Mas vejo o Brasil como favorito”, falou o ex-jogador que defendeu o Atlético-MG e o Palmeiras.

Em meio a essa retomada de disputa na América do Sul, o Brasil inicia os trabalhos pensando em manter o ritmo de seus primeiros quatro jogos no torneio. Com 100% de aproveitamento, a seleção lidera a competição de forma isolada com 12 pontos após golear a Bolívia (5 a 0), e passar por Peru (4 a 2), Venezuela (1 a 0) e Uruguai (2 a 0).

Nesse período de quarentena, o técnico Tite também se enquadrou no home office. Após a primeira reunião virtual encabeçada pelo coordenador técnico Juninho Paulista, em que toda a comissão técnica esteve presente, Tite buscou soluções para manter a metodologia de trabalho e as ideias gerais sobre o time em encontros semanais. Os cuidados com a preparação física também entraram na pauta. Coube ao preparador Fabio Mahseredjian ficar em contato com os atletas mais assíduos nas convocações de Tite para que mantivessem a forma no período de paralisação do futebol.

Desde que as atividades esportivas foram retomadas no Brasil, seu estafe vem acompanhando o trabalho dos atletas. Aspectos como minutagem de jogo, desgaste físico por conta dos jogos, seguidas lesões e ainda o estado de saúde em relação à covid-19 vem sendo observado de perto para facilitar a missão do treinador no momento de definir a lista de convocados que sai nesta sexta-feira.

Fonte: Estadão Conteúdo

Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat