Siga as Redes Sociais

Esporte

Torcida xinga e pede saída de Neymar do PSG

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Um cartaz simplório erguido pela torcida do Paris Saint-Germain neste domingo (11), na estreia do time na temporada 2019/2020 do Campeonato Francês, resume o status da relação do clube com sua estrela: “Neymar, cai fora (casse-toi)”.

O atacante brasileiro não pisou no gramado do Parc des Princes –na véspera, o novo diretor esportivo do PSG, Leonardo, tinha dito que o jogador só voltaria a defender a equipe quando fosse definido se ele fica em Paris ou vai embora (o mais provável).

A ausência do brasileiro foi compensada por lembranças insistentes (e hostis) em cantos e faixas de torcedores. Logo no começo da partida contra o Nîmes, uma ala do público puxou um “Neymar, filho da puta!” em espanhol.

Pouco depois, a torcida do PSG exibiu quatro grandes painéis que estampavam uma provocação dura. Em tradução aproximada (e levemente “higienizada”), as faixas diziam “Neymar, apanhar de uma prostituta não acontece só em uma ‘remontada’. Você se lembra?”.

“Remontada” (recuperação, em espanhol) é como ficou conhecido o jogo de março de 2017 em que o PSG foi estraçalhado pelo Barcelona de Messi, Neymar e cia., perdendo por 6 a 1. O brasileiro fez então dois gols. Recentemente, referiu-se ao confronto como o momento mais marcante de sua carreira, enfurecendo seu clube atual.

Com o resultado, os franceses foram eliminados da Champions League, depois de terem ganhado a partida de ida em Paris por 4 a 0.

A segunda parte da alfinetada da torcida faz referência ao episódio em que o atacante foi acusado pela modelo Najila Trindade de tê-la agredido e estuprado em um hotel parisiense, em maio passado.

Najila mostrou à polícia um vídeo, gravado no dia seguinte ao da suposta agressão, no qual batia no atleta –em pretensa reação ao que ocorrera na véspera. Na última semana, a Justiça arquivou o inquérito relativo ao caso.

Antes do jogo deste domingo, no entorno do estádio Parc des Princes, os torcedores do PSG se mostravam favoráveis ao “divórcio” entre a direção e o brasileiro.

“Espero que ele vá embora, e por um preço justo, próximo daquele que pagamos por ele [222 milhões de euros, em 2017]”, afirmou Alexis Canestaier, 26, que trabalha em uma start-up. “A gota d’água para mim foi ele falar bem da ‘remontada’.”

O funcionário público Julien Pouget, 38, não esconde a decepção com a ausência do atleta em jogos decisivos. “Gosto do jogador, não da pessoa Neymar. Ele não aprecia a equipe, não tem amor à camisa e não estava em campo quando mais precisamos dele [nas eliminações da Champions League em 2018 e 2019]. Preferia alguém pior, porém mais presente.”

Para a bancária Karine Petitcolas, 48, é como se ele tivesse jogado apenas o primeiro tempo nas últimas duas temporadas. “Ele foi bem acolhido, mas acho que o mimaram demais. É uma pena que Leonardo não tenha chegado antes [ao clube].” Segundo ela, “para ganhar o Campeonato Francês, nós não precisamos de Neymar. Ele veio para nos dar a Champions League. Espero que vá para o Real Madrid, só para irritar o Barcelona. Mas lá, com Zidane [técnico], aposto que vai ficar com a boca fechada”, completou a torcedora.

Vários jornais europeus informaram no domingo que as negociações para a transferência de Neymar estariam mais avançadas com o Real do que com os catalães. Em Paris, os donos da casa não tiveram dificuldade em derrotar o fraco Nîmes, por 3 a 0 com gols de Cavani (pênalti), Mbappé e Di María.

Na entrevista coletiva após a vitória, o alemão Thomas Tuchel, técnico do PSG, saiu em defesa de Neymar.

“Entendo e não entendo [a reação da torcida]. Mas ele ainda é meu jogador. Sendo assim, vou sempre protegê-lo. Posso compreender que não gostem do que diz ou faz, mas é preciso encontrar outro nível para se expressar.”

Fonte: Folhapress

Esporte

Grêmio rescinde contrato com Diego Tardelli

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Eduardo Moura

Diaego Tardelli não é mais jogador do Grêmio. O clube anunciou na manhã desta quinta-feira (16) em suas redes sociais que chegou a um acordo com o atacante para rescindir o contrato. O jogador de 34 anos, tinha vínculo com o clube até o final de 2021.

– O Grêmio anuncia que alcançou um acordo com o atleta Diego Tardelli para a rescisão de contrato entre as partes e o vínculo se encerra imediatamente. O Clube deseja ao jogador sucesso na sequência de sua carreira – diz o comunicado.

A saída de Tardelli já era projetada desde o final do ano passado. A avaliação da direção é de que não havia mais “ambiente” para o atacante na Arena. O próprio atacante havia pedido para deixar o clube, como revelou o presidente Romildo Bolzan Jr.

André, também criticado pela torcida, é outro que deve sair. O Grêmio busca um atacante no mercado para suprir as saídas e chegou a conversar com a Fiorentina para tentar a contratação de Pedro, mas o atacante ex-Fluminense está próximo do Flamengo.

Principal contratação da última temporada, Tardelli jamais correspondeu às expectativas na Arena. O camisa 9 foi um pedido especial do técnico Renato Gaúcho, mas teve atuações irregulares e chegou a sofrer reprimendas públicas do presidente Romildo Bolzan Jr. e do próprio treinador pela postura.

Pelo Brasileirão, Tardelli participou de 29 jogos, com quatro gols marcados, além de ter contribuído com uma assistência. Ao longo de sua passagem por Porto Alegre, o atacante disputou 47 jogos e marcou sete gols, média de 0,15 gols por partida.

Nesta semana, o Grêmio também promoveu mudanças em sua comissão técnica. O clube demitiu o preparador físico Rogério Dias e o preparador de goleiros Rogério Godoy, além do assessor de imprensa. Outros quatro profissionais das áreas de fisiologia, fisioterapia e nutrição também foram desligados.

Fonte: GE

Continue Lendo

Esporte

Fla dispensa 5 sobreviventes de incêndio no Ninho e vê “processo natural”

Karytha Leal

Publicado

em

Dentre alguns jogadores das categorias de base dispensados neste começo do ano pelo Flamengo, estão cinco sobreviventes do incêndio no Ninho do Urubu, que fez 10 vítimas fatais e deixou outros três feridos.

Caike Duarte Pereira da Silva, Felipe Cardoso, João Vitor Gasparin Torrezan, Naydjel Callebe Boroski Struhschein e Wendel Alves Gonçalves estavam no alojamento da base quando o local pegou fogo, no dia 8 de fevereiro do ano passado.

A informação foi publicada, primeiramente, pelo jornal “O Dia” e confirmada pelo UOL Esporte. Segundo o UOL Esporte apurou, a decisão foi tratada como um processo natural de reformulação e avaliação de desempenho dos atletas das categorias de base, que acontece ao fim de cada ano, após conversas entre a direção da base e as comissões técnicas das respectivas categorias.

Ainda de acordo com a apuração, o auxílio psicológico dado aos sobreviventes do incêndio, caso necessário, poderá ter continuidade, mesmo após a saída dos jogadores.

O incêndio está prestes a completar um ano. Dos familiares das 10 vítimas fatais, a diretoria chegou a quatro acordos. Vale lembrar que são 11 negociações.

Dos casos finalizados, há o das famílias de Athila Paixão, de Gedson Santos, e de Vitor Isaias, além do pai de Rykelmo. Com a mãe de Rykelmo e com os familiares de Arthur Vinícius, Bernardo Pisetta, Christian Esmério, Jorge Eduardo, Pablo Henrique e Samuel Thomas ainda não houve resolução. As defesas não são conduzidas de forma coletiva.

Continue Lendo

Esporte

Copa Revelação de Teresina terá presença de olheiros do Flamengo

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Imagem Ilustrativa

Os atletas de Teresina vão se enfrentar pela Copa Revelação, entre os dias 21 e 24 de janeiro. A competição vai reunir 32 equipes, que estarão sendo observadas por olheiros do Flamengo do Rio de Janeiro. Os atletas que se destacarem serão convidados a realizar um teste no clube carioca, este ano.

Essa é a primeira vez que a Semel realiza algo deste tipo, dando oportunidade aos atletas teresinenses de iniciarem uma carreira fora do Piauí, em um clube da elite do futebol brasileiro. “O propósito desta competição é revelar craques”, disse Bianor Lima Neto, da Semel.

O secretário de Esporte e Lazer de Teresina, Miguel Rosal, organizou, junto com a equipe da Semel, a competição e a vinda dos olheiros ao Piauí. “Após fazerem os testes no Rio de Janeiro, eles têm chances de serem contratados. Essa é uma forma de incentivar os nossos atletas”, afirmou.

As partidas acontecerão no Estádio Municipal Lindolfo Monteiro e no Campo Euclides do Promorar, o Euclidão. As categorias da competição são Sub 13, Sub 15, Sub 17, apenas masculino.

Fonte: Semcom/PMT

Continue Lendo
Acqua Blu

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat