Siga as Redes Sociais

Notícias

Incêndio de grande proporção destrói van, micro-ônibus e urnas de funerária no Piauí

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Uma van e um micro-ônibus pegaram fogo no estacionamento da floricultura de uma funerária, em Parnaíba-PI. O fato ocorreu nessa terça-feira (05), próximo ao Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA).

De acordo com o major Rivelino Moura, comandante do Corpo de Bombeiros da cidade, no local, algumas urnas chegaram a ser incendiadas e os veículos, que pertenciam à funerária ficaram completamente destruídos. Entretanto, nenhuma pessoa ficou ferida com o incidente.

“O fogo começou no veículo van e passou para um micro-ônibus que estavam no estacionamento da funerária. Algumas urnas funerárias foram queimadas”, informou o comandante. 

As causas do incêndio deve ser determinada após a finalização da perícia.

Vacinação

PI anuncia vacinas para público de 60 a 64 anos, mas há cidades que ainda não vacinaram de 65 a 69

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Divulgação

O Piauí recebe nesta sexta-feira (16/04) mais 87 mil doses de vacinas, para dar segmento à campanha de vacinação contra a Covid-19. Serão 34 mil doses da Coronavac e 53 mil da Astrazeneca.

Conforme nota do governo, com as 34 mil doses da Coronavac, o Piauí vai aplicar a segunda dose em 2% dos trabalhadores da saúde; segunda dose de 23% do público de 65 a 69 anos; primeira dose de 3% dos trabalhadores da saúde; primeira dose de 6% dos trabalhadores das Forças Armadas e Segurança e primeira dose de 1,9% das pessoas de 60 a 64 anos.

Já as 53 mil doses da Astrazeneca serão utilizadas para a primeira dose de 46% das pessoas de 65 a 69 anos; primeira dose de 0,5% dos idosos de 60 a 64 anos.

No entanto, um questionamento foi levantado pela população, como vacinar as pessoas de 60 a 64 anos, se há cidades em que ainda não foram vacinados os de 65 a 69?

Segundo informado, a Sesapi repassa uma certa quantidade de vacinas para cada município. No entanto, apesar de seguirem um plano nacional, cada cidade age conforme a organização de cada secretaria municipal que vacina por faixa etária ou por classes prioritárias, como trabalhadores de saúde e das Forças de Segurança Pública que estão na linha de frente no combate ao Covid-19.

Em Teresina, por exemplo, os idosos de 65 anos ainda não foram vacinados [Nesta faixa etária, apenas acamados receberam a dose na capital], enquanto outros municípios do interior, já chegaram, inclusive, a aplicar doses no grupo de 60 anos.

FMS divulga nota anunciando vacinação de público de 65 e 66 anos

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina divulgou hoje, 15, o calendário de vacinação contra a Covid-19 dos próximos dias. A FMS chama atenção que pela manhã devem comparecer aos postos as mulheres e pela tarde os homens.

Amanhã, 16, serão aplicadas segundas doses de vacina em pessoas de 78 anos. No sábado, 17, acontecerão segundas doses para a faixa etária de 77 anos e também primeiras doses para pessoas com 66 anos. Domingo é a vez das pessoas de 65 anos garantirem suas primeiras doses.


Drives vacina Covid de 16, 17 E 18 de abril

16 de abril (9h às 13h – mulheres) – (13hàs 17h homens)
SEGUNDA DOSE 78 anos
• Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Campus Torquato Neto – Rua João Cabral, 2231, Bairro Pirajá.
• Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU – Norte) – Avenida Ministro Sergio Mota, S/N, Bairro Santa Maria da Codipi.
• Terminal de Integração Zoobotânico – Avenida Presidente Kenedy, Bairro Zoobotânico.
• Teresina Shopping – Edifício Garagem G1 – Avenida Raul Lopes, 1000, Bairro dos Noivos.
• Terminal de Integração Livramento – Avenida dos Expedicionários, S/N, Bairro Dirceu.
• Faculdade Estácio de Teresina – Estacionamento da Faculdade na Avenida dos Expedicionários, Bairro São João.
• Terminal de Integração Parque Piauí – Avenida Marechal Juarez Távora, 118, Bairro Parque Piauí (próximo ao clube dos Cem).
• Terminal de Integração Bela Vista – Avenida Prefeito Wall Ferraz, Bairro Bela Vista.
• Centro Universitário Santo Agostinho – Avenida Professor Valter Alencar, 855, Bairro São Pedro.

17 de abril (9h às 13h – mulheres) – (13hàs 17h homens)
PRIMEIRA DOSE 66 ANOS:
• Centro Universitário Santo Agostinho – Avenida Professor Valter Alencar, 855, Bairro São Pedro;
• Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU- Norte);
• Terminal de Integração Buenos Aires;
• Terminal de Integração Zoobotânico;
• Terminal de Integração Bela Vista;
• Terminal de Integração Livramento;
• Centro Universitário Uninovafapi;
• Terminal de Integração Itararé

SEGUNDA DOSE 77 ANOS:
• Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Campus Torquato Neto – Rua João Cabral, 2231, Bairro Pirajá;
• Terminal de Integração Parque Piauí – Avenida Marechal Juarez Távora, 118, Bairro Parque Piauí (próximo ao clube dos Cem);
• ADUFPI – Av. Universitária, 391, Bairro Ininga;
• Teresina Shopping – Edifício Garagem G1 – Avenida Raul Lopes, 1000, Bairro dos Noivos;
• Faculdade Estácio – Av. dos Expedicionários, 790 – São João

18 de abril (9h às 13h – mulheres) – (13hàs 17h homens)
PRIMEIRA DOSE 65 ANOS:
Centro Universitário Santo Agostinho – Avenida Professor Valter Alencar, 855, Bairro São Pedro;
• Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU- Norte);
• Terminal de Integração Buenos Aires;
• Terminal de Integração Zoobotânico;
• Terminal de Integração Bela Vista;
• Terminal de Integração Livramento;
• Centro Universitário Uninovafapi;
• Terminal de Integração Itararé
• Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Campus Torquato Neto – Rua João Cabral, 2231, Bairro Pirajá;
• Terminal de Integração Parque Piauí – Avenida Marechal Juarez Távora, 118, Bairro Parque Piauí (próximo ao clube dos Cem);
• ADUFPI – Av. Universitária, 391, Bairro Ininga;
• Teresina Shopping – Edifício Garagem G1 – Avenida Raul Lopes, 1000, Bairro dos Noivos;
• Faculdade Estácio – Av. dos Expedicionários, 790 – São João

Continue Lendo

Teresina

Justiça derruba decreto de Dr. Pessoa e proíbe abertura do comércio na sexta-feira (16)

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Divulgação

O juiz Aderson Antônio de Brito Nogueira, da 1ª Vara dos Feitos da Fazenda Pública da Comarca de Teresina, derrubou através de liminar, o decreto publicado pelo prefeito de Teresina, Dr. Pessoa (MDB), que autorizava o funcionamento do comércio até sexta-feira (16/04) na capital.


O pedido foi feito pelo Governo do Piauí, que alegou que o decreto assinado por Pessoa enfraquece as medidas sanitárias adotadas pelo Estado. Dessa forma, o magistrado acatou o pedido do governo e, estipulou que apenas os serviços essenciais devem permanecer em funcionamento na sexta-feira. Dessa forma, o funcionamento do comércio em geral dos dias 16 a 18 de abril será exclusivamente para sistema delivery ou drive-thru. Em caso do não cumprimento da liminar, a Prefeitura de Teresina terá que pagar multa no valor de R$ 50 mil.

Essa é a segunda vez que há divergências entre a Prefeitura e o governo sobre a abertura das atividades comerciais em Teresina. 

Continue Lendo

Geral

Cães e gatos podem ser infectados pelo coronavírus; saiba quais cuidados tomar para proteger os animais de estimação

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

A infecção de cães e gatos pelo coronavírus é mais frequente do que se imaginava, revela um estudo feito por pesquisadores do Hospital Naval Marcílio Dias, na Zona Norte do Rio. A equipe encontrou uma taxa de positividade de 11,25% nos 311 animais testados, no levantamento com a maior amostragem sobre o Sars-CoV-2 e bichos de estimação já realizado no país. E você sabe como protegê-los? O primeiro passo é o isolamento: pessoas com sintomas de Covid-19 ou que testarem positivo precisam se manter isoladas não apenas de outras pessoas, mas também de seus pets.

“Elas devem evitar contato com os animais domésticos e, na impossibilidade de afastamento, usar máscara na hora de preparar a comida e limpar o espaço do animal”, afirma a primeiro-tenente Shana Barroso, bióloga virologista do Hospital Marcílio Dias e especialista em vírus respiratórios, que é a pesquisadora à frente do estudo.

Cuidados que valem para o ser humano também valem para os pets, como evitar aglomerações. A pesquisadora também recomenda não permitir contato dos animais com desconhecidos.

É importante ressaltar que cães e gatos podem ser infectados se ficarem no mesmo ambiente que uma pessoa contaminada, mas o contrário não acontece, ou seja, eles não transmitem o vírus para os seres humanos. A significativa positividade detectada no estudo é um indicador da elevada disseminação da pandemia, já que não foram testados especificamente pets de tutores que tiveram Covid-19, o que aumentaria a chance de haver bichos com o vírus.

Os 251 cães e 60 gatos foram selecionados ao serem levados ao veterinário para consultas de rotina ou vacinação, explica Shana Barroso. Todos os animais examinados são de São João de Meriti, na Baixada Fluminense, e foram testados, com a autorização dos tutores, pela técnica padrão ouro para detectar Sars-CoV-2, o exame molecular de RT-qPCR. Dezenove cachorros e seis gatos tiveram resultados positivos.

“A ideia foi fazer uma busca o mais geral possível entre os cães e os gatos da região”, explica a bióloga, esclarecendo que a pesquisa foi aprovada pela Comissão de Ética no Uso de Animais do Hospital Marcílio Dias. “Quando comparado a outros estudos similares já publicados em revistas internacionais, o número de casos positivos é elevado”.

A pesquisadora ressalta que a maioria dos animais positivos não tinha qualquer sintoma condizente com a Covid-19. Apenas alguns tinham sinais como os da gripe, e somente uma cadela apresentou sintomas mais pronunciados.

O estudo é uma colaboração do Laboratório de Biologia Molecular, do Instituto de Pesquisas Biomédicas, do Marcílio Dias; do Laboratório de Imunofarmacologia da Fiocruz; e da Clínica Rio Vet, de São João de Meriti. Devido à relevância, ele foi selecionado pela chamada emergencial da Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj) e recebeu R$ 250 mil.

Não existe, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), qualquer evidência de que cães e gatos possam transmitir o coronavírus para seres humanos. Há alguns animais, como os visons e os hamsters, que podem fazê-lo, mas ainda assim são casos muito raros. Um dos poucos cientistas brasileiros a investigar a Covid-19 em pets, Alexander Biondo, do Departamento de Medicina Veterinária da Universidade Federal do Paraná (UFPR), não envolvido no estudo feito no Rio, destaca que o percentual de testes positivos na pesquisa feita no Hospital Marcílio Dias é elevadíssimo:

— A transmissão tem que estar muito alta em humanos para haver tanto animal infectado. A infecção pelo coronavírus em cães e gatos é mais transitória, dura menos. Esses animais são como sentinelas ambientais da disseminação do vírus; se está alta neles, é porque há saturação de vírus.

Não existe, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), qualquer evidência de que cães e gatos possam transmitir o coronavírus para seres humanos. Há alguns animais, como os visons e os hamsters, que podem fazê-lo, mas ainda assim são casos muito raros. Um dos poucos cientistas brasileiros a investigar a Covid-19 em pets, Alexander Biondo, do Departamento de Medicina Veterinária da Universidade Federal do Paraná (UFPR), não envolvido no estudo feito no Rio, destaca que o percentual de testes positivos na pesquisa feita no Hospital Marcílio Dias é elevadíssimo:

— A transmissão tem que estar muito alta em humanos para haver tanto animal infectado. A infecção pelo coronavírus em cães e gatos é mais transitória, dura menos. Esses animais são como sentinelas ambientais da disseminação do vírus; se está alta neles, é porque há saturação de vírus.

Fonte: Extra

Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat