Siga as Redes Sociais

Brasil

Bolsonaro tem até amanhã para definir se salário mínimo ganha aumento real

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

O governo tem até amanhã para enviar ao Congresso o projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) com a nova regra de cálculo do salário mínimo que passará a vigorar a partir de 2020.

Segundo informações a PLDO pode ser enviada sem a previsão de reajuste real do salário mínimo. Pela proposta da equipe econômica, o piso salarial deve ser corrigido apenas pela inflação, e o indicador usado será o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor).

Em evento em São Paulo no mês passado, o vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) criticou o reajuste do salário mínimo acima da inflação. Ele classificou a política como uma “vaca sagrada” que precisa mudar, assim como a Previdência.

O salário mínimo em 2019 é de R$ 998. A regra atual de cálculo do reajuste foi fixada por lei a partir de 2007, mas perdeu a validade. Até este ano, a revisão do salário mínimo levava em conta o resultado do PIB (Produto Interno Bruto) de dois anos antes mais a inflação do ano anterior, medida pelo INPC. Na prática, essa regra garantia o ganho real do mínimo sempre que houvesse crescimento da economia.

Governo Temer sugeriu mudar regra

Durante a transição do governo Michel Temer (MDB) para o de Jair Bolsonaro (PSL), o antigo Ministério da Fazenda recomendou a Guedes que a política de reajuste do mínimo fosse revisada.

Tanto os técnicos da extinta Fazenda quanto os auxiliares de Bolsonaro tinham um diagnóstico semelhante sobre o reajuste do piso salarial. Um deles é de que a revisão real do mínimo pressiona a inflação e contribui para o baixo nível de produtividade da economia.

Decisão final será de Bolsonaro

O Ministro da Economia, Paulo Guedes, e outros economistas são críticos da política de reajuste real do salário mínimo e defendem que ela acabe. A elaboração do PLDO é feita pela junta orçamentária, composta por Ministério da Economia e Casa Civil. Entretanto, todas as decisões sobre parâmetros e previsões de despesas passam pela aprovação do presidente da República.

Fonte: Uol

Brasil

Mestre Mug, ex-mestre de bateria da Vila Isabel, será enterrado neste sábado no Rio

Avatar

Publicado

em

O ex-mestre de bateria da Vila Isabel Amadeu Amaral, conhecido como Mestre Mug, será enterrado às 14h deste sábado (19) no Cemitério do Catumbi, Centro do Rio. Ele morreu na manhã de sexta-feira (18) aos 70 anos. 

Mestre Mug estava internado desde o dia 12 de março no Hospital Universitário Pedro Ernesto, em Vila Isabel, para tratar uma hérnia de disco. Mug, no entanto, acabou contraindo várias infecções e não resistiu a elas. 

Ele esteve à frente da bateria da escola por mais de 30 anos. Em 2009, ao deixar comando da bateria, ganhou o título de Presidente de Honra da Swingueira de Noel.

Em 1988, foi vencedor do Prêmio Estandarte de Ouro de Melhor Bateria, ano em que a escola ganhou seu primeiro título do Grupo Especial com o enredo “Kizomba, Festa da Raça”. Em 2006 também foi personagem importante na conquista do bicampeonato da agremiação.

Fonte: G1

Continue Lendo

Piauí

Piauí registra 1.010 casos e 12 óbitos por Covid-19 em 24 horas

Avatar

Publicado

em

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta sexta-feira (18), que em apenas 24h, 1.010 casos foram confirmados e 13 mortes, causadas pela Covid-19, foram registradas no Piauí. Hoje, também foram confirmados mais oito óbitos acumulados de períodos anteriores e que estavam em investigação epidemiológica. Ainda conforme a Sesapi, 288 infectados estão na UTI.

Cinco homens e sete mulheres não resistiram às complicações da Covid-19. Elas eram naturais de Canto do Buriti (67 anos), Floriano (58 e 82 anos), Piracuruca (47 anos), São João do Piauí (71 anos) e Teresina (40 e 45 anos).  Já os homens eram de Agricolândia (58 anos), Piracuruca (38 anos), São Raimundo Nonato (74 anos) e Teresina (35 e 56 anos).

Dos óbitos acumulados eles eram das cidades de Castelo do Piauí (81 anos) e Teresina (54, 61 e 65 anos). As do sexo feminino eram de Teresina (56, 62, 75 e 81 anos). 

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, há  738 ocupados, sendo 433 leitos clínicos, 288 UTIs e 17 em leitos de estabilização. 

Continue Lendo

Saúde

Variante delta tem se tornado dominante em todo o mundo, diz cientista-chefe da OMS

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

A variante delta do coronavírus, identificada pela primeira vez na Índia, tem se tornado dominante em todo o mundo, disse nesta sexta-feira (18) a cientista-chefe da Organização Mundial da Saúde (OMS), Soumya Swaminathan. 

“A variante delta está prestes a se tornar a variante dominante global por causa de sua maior transmissibilidade”, disse Swaminathan em entrevista coletiva.

Uma variante é resultado de modificações genéticas que o vírus sofre durante seu processo de replicação. Um único vírus pode ter inúmeras variantes. 

Quanto mais o vírus circula – é transmitido de uma pessoa para outra –, mais ele faz replicações, e maior é a probabilidade de modificações no seu material genético.

Isso não significa que as vacinas disponíveis não protejam contra esta variação do vírus Sars-Cov-2. No Reino Unido, onde ela já é dominante, o Ministério da Saúde assegurou que as doses aplicadas conferem proteção às infecções. 

“É importante que as pessoas recebam ambas as doses da vacina contra a Covid-19, porque dados nos mostram que ela pode proteger efetivamente contra a variante delta”, disse o ministro Matt Hancock.

Variante delta no Brasil

Em 20 de maio, foram detectados os seis primeiros casos da variante delta no Brasil. Seis pessoas que chegaram ao estado do Maranhão a bordo do navio MV Shandong da Zhi carregavam o vírus. 

Um dos doentes teve que ser levado de helicóptero para um hospital. 

Desde então, foram identificados outros dois casos: um em Juiz de Fora (MG) e um em Campos (RJ). 

Até agora, esses foram os oito casos da variante delta no país. 

Espalhada pelo mundo

Além dos britânicos, que confirmaram a predominância da delta entre as infecções de seu território, as autoridades de saúde da Alemanha e da Rússia acenderam seus alertas.

O instituto alemão Robert Koch, referência no combate à Covid-19 no país europeu, anunciou que 6% dos novos casos no país já são da variante delta – mas o número deve aumentar rápido. 

Na Rússia, a propagação da variante delta do coronavírus em Moscou fez a capital bater recorde diário de infectados nesta sexta. 

Com 17.262 contágios diários em todo país, a Rússia está no ponto mais elevado desde 1º de fevereiro, de acordo com estatísticas do governo. 

Fonte: G1

Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat