Siga as Redes Sociais

Piauí

Público, privado e terceiro setor firmam pacto com o governo do estado nesta segunda

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

O pacto interinstitucional para a busca conjunta de alternativas para dar andamento às demandas das 26 câmaras setoriais existentes no estado será assinado na segunda-feira (1º), em solenidade no Palácio de Karnak, às 11h. A iniciativa tem como objetivo a superação de entraves burocráticos e geração de soluções para impasses que dificultam o desenvolvimento em diversos setores da economia.

O plano é envolver 45 instituições, dentre secretarias municipais, estaduais e federais, associações, federações de trabalhadores e órgãos do sistema “S”, como Sebrae, Senai, Sescoop e outros, em um esforço conjunto para destravar gargalos que vêm impedindo a produção de riquezas.

Nas câmaras setoriais, há o entendimento de que essas soluções não dependem exclusivamente do governo estadual, portanto, o pacto será firmado por instituições públicas, privadas e do terceiro setor.  

Para o presidente da Câmara Setorial do Turismo, Eduardo Rufino, o pacto será um elo forte entre setor produtivo e governo. “No turismo, temos a necessidade de elaborar um plano para, por exemplo, diminuir o ICMS momentaneamente para que seja multiplicado depois, pois irá gerar empregos e supermercados e hortifrútis irão faturar mais. Há também a necessidade de uma maior divulgação do Piauí nos aeroportos fora do estado. Um estudo está sendo feito para ver quanto custaria fazer um estande durante o ano inteiro dentro do aeroporto de Guarulhos para que possamos mostrar as nossas potencialidades, culinária, litoral, a história do primeiro homem americano, a religiosidade, dentre outros”, disse.

Segundo o coordenador das Câmaras Setoriais, Sergio Vilela, um documento com as demandas prioritárias de cada câmara foi elaborado e será a base do pacto. Tais demandas foram concentradas em seis eixos: meio ambiente; assistência técnica e capacitação; tecnologia e inovação; energia; questões fiscais e tributárias; infraestrutura. As demandas passaram a ser transversais e são as principais da economia do Piauí. Esse documento será a base do pacto. Depois da assinatura, serão formados grupos de trabalho que apresentarão as soluções para os problemas que foram identificados A ideia é que todos se envolvam e contribuam de acordo com as suas possibilidades”, pontuou.

Fonte: Ccom

Municípios

População destaca benefícios de ações realizadas através do senador Ciro Nogueira em Porto

Redação Encarando

Publicado

em

Foto: Reprodução

O senador Ciro Nogueira (PP), destinou recursos para a cidade de Porto, para realização de ações que tem melhorado a qualidade de vida da população.

A construção de um consultório odontológico, a aquisição de uma ambulância de pequeno porte para atendimento dos casos de baixa complexidade, além das vans de transporte eletivo, que ajudam no deslocamento de pacientes do município, para tratamentos na capital, são exemplos dos trabalhos desenvolvidos pelo senador.

Continue Lendo

Piauí

Incêndio destrói mercadinho Tem Tem em Floriano

Avatar

Publicado

em

Um incêndio destruiu o mercadinho Tem Tem na noite desta quarta-feira (24) no Centro do município de Floriano, na região Sul do Piauí. Ainda não há informações sobre o que pode ter provocado as chamas.

A Polícia Militar foi acionada para isolar a área do incêndio, e evitar que alguém fique ferido. Como o local se trata de um mercadinho, provavelmente existe muitos materiais inflamável no local.

O estabelecimento era de propriedade do professor Raimundo Vieira, o “Tem Tem”, bastante conhecido na cidade, que faleceu em outubro do ano passado após complicações causadas pelo Covid-19.

Vídeos!

Continue Lendo

Piauí

Mais de 10 UBS realizam atendimentos exclusivos para sintomas de Covid em Teresina

Avatar

Publicado

em

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina realizou no mês de fevereiro, uma pesquisa na qual constatou que o número de atendimentos de casos suspeitos Covid-19 nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) diminuiu.

Em dezembro de 2020, o número de atendimentos nas UBS Covid foram 54.601, já em janeiro de 2021 esse número caiu para 39.117 e até a data de hoje, 24, foram 27.887 atendimentos. Portanto, a rede de saúde municipal redimensionou a quantidade de Unidades Básicas de Saúde específicas para casos Covid.

A partir de agora, a capital contará com 13 Unidades Básicas de Saúde exclusivas para atendimentos de síndromes gripais.

Zona Norte: UBS Real Copagre e UBS Santa Maria da Codipi;

Zona Leste: UBS Taquari e UBS Gurupi;

Zona Sudeste: UBS Todos os Santos e UBS Carlos Alberto Cordeiro

Zona Sul: UBS Parque Piauí, UBS Monte Castelo, UBS Hugo Prado, UBS Irmã Dulce, UBS São Pedro, UBS Dagmar Mazza e UBS Betinho.

A reorganização serve para oferta de outros serviços nas outras 80 UBS como acompanhamento de pré-natal, atendimento aos hipertensos e diabéticos, vacinação, atendimento às pessoas em tratamento de tuberculose e hanseníase, oferta de exames de citologia para controle do câncer uterino, dentre outras atividades”, disse Ayla Calixto, da Diretoria de Ações Estratégicas da FMS.

Teresina possui 93 Unidades Básicas de Saúde e 260 Equipes de Saúde da Família. Por conta da pandemia, no ano de 2020 foram deslocados os serviços rotineiros de 20 UBS, que passaram a realizar exclusivamente atendimentos de casos suspeitos de Covid-19. Essas Unidades Básicas apoiaram a rede hospitalar para que não ocorresse sobrecarga de atendimento nesses ambulatórios.

Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat