Siga as Redes Sociais

Piauí

MPPI ingressa com ação para execução do Plano de Segurança da barragem Algodões II, em São Francisco do Piauí

Foto: G1

Redação Encarando

Publicado

em

O Ministério Público do Piauí, por meio da 2ª Promotoria de Justiça de Oeiras, ingressou com ação requerendo que o Estado do Piauí inclua em sua Lei Orçamentária Anual, deste ano, a destinação de recursos para contratar empresa que execute o Plano de Segurança da barragem Algodões II, mais conhecida como Salinas, em São Francisco do Piauí, município a 326 km de Teresina.  O promotor de Justiça Vando Marques, autor da ação, quer ainda que o início de procedimento licitatório para contratação da empresa seja autorizado de forma imediata. O Ministério Público pede também que o Instituto de Desenvolvimento do Piauí (IDEPI) apresente e fiscalize a execução o Plano de Segurança incluindo o Plano de Ação de Emergência. Em caso de descumprimento, o chefe do executivo estadual e o diretor-presidente do IDEPI podem pagar multa diária de 10 mil reais.

O titular da 2ª Promotoria de Justiça de Oeiras explica que instaurou uma investigação, em setembro de 2016, após receber um relatório de vistoria realizada pela Semar (Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos) em diversas barragens localizadas nos municípios do estado. O documento foi encaminhado pelo CAOMA – Centro de Apoio Operacional de Defesa do Meio Ambiente, órgão auxiliar do MPPI.  No documento, a pasta do governo do Estado constatou “diversas irregularidades que põem em risco danos ao meio ambiente, bem como as vidas da comunidade local”, afirma o promotor Vando Marques, em um trecho da ação. Alguns dos problemas verificados estão no sangradouro onde há, por exemplo, fissuras na parede próxima a saída d’água e concreto desagregado; entre o reservatório e o sangradouro possui estrutura de aterro totalmente irregular, que parece servir de apoio aos pescadores e moradores locais, contudo acarreta riscos pelo posicionamento na barragem. Por isso, a 2ª PJ de Oeiras expediu recomendações aos órgãos do Estado para que resolvessem a situação da barragem.

O IDEPI encaminhou explicações ao Ministério Público sobre a barragem de Algodões II. A autarquia estadual declarou que foi elaborado um termo de referência para abertura do procedimento licitatório cujo objeto é contratar uma empresa especializada para fazer o Plano de Segurança da Barragens, contudo, informou ainda que não detém de autonomia financeira e dotação orçamentária para tanto, razão pela qual, aguarda autorização do governo do Estado para liberação da verba.

“Não vislumbrando alternativas, propõe o MPPI a presente Ação Civil Pública com o objetivo de ver elaborado, aprovado, aplicado e fiscalizado, em menor espaço de tempo possível, o Plano de Segurança da Barragem Algodões II, mais conhecida como Barragem de Salinas, como garantia da observância do padrão de segurança necessário à redução da possibilidade de acidentes, estabelecendo revisões periódicas de segurança”, pontua o promotor de Justiça Vando Marques.

Piauí

Piauí registra 34 óbitos por Covid-19 e 1,5 mil pessoas são infectadas em 24h

Avatar

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde (Sesapi) divulgou nesta quinta-feira (15), que o estado do Piauí registrou em 24h, 34 óbitos e 1.539 casos de COVID-19. Conforme a Sesapi, 424 pessoas estão internadas em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).

Dezessete mulheres e dezessete homens não resistiram às complicações da Covid-19. Eles eram de Amarante (71 anos), Batalha (77 anos), Campo Maior (63 anos), Cocal (70 anos), Colônia do Gurguéia (64 anos), Curimatá (64 anos), Lagoa do Barro do Piauí (86 anos), Luís Correia (80 anos), Parnaíba (26, 76 e 86 anos), Pio IX (73 anos), Piripiri (49 e 94 anos) e Teresina (30, 49 e 78 anos).

As do sexo feminino eram das cidades de Altos (66 anos), Canto do Buriti (80 anos), Demerval Lobão (82 anos), Luís Correia (78 anos), Marcolândia (51 anos), Parnaíba (59, 71 e 77 anos), Passagem Franca do Piauí (58 anos), Piracuruca (54 anos), Teresina (duas de 70 anos, 72, 79, 85 e 92 anos) e Várzea Branca (25 anos). Quatorze vítimas não possuíam comorbidades.

Os casos confirmados no estado somam 224.790 distribuídos em todos os municípios piauienses. Já os óbitos pelo novo coronavírus chegam a 4.693 e foram registrados em 219 municípios.

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, há 1.327 ocupados, sendo 860 leitos clínicos, 424 UTIs e 43 em leitos de estabilização.

Continue Lendo

Vacinação

PI anuncia vacinas para público de 60 a 64 anos, mas há cidades que ainda não vacinaram de 65 a 69

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Divulgação

O Piauí recebe nesta sexta-feira (16/04) mais 87 mil doses de vacinas, para dar segmento à campanha de vacinação contra a Covid-19. Serão 34 mil doses da Coronavac e 53 mil da Astrazeneca.

Conforme nota do governo, com as 34 mil doses da Coronavac, o Piauí vai aplicar a segunda dose em 2% dos trabalhadores da saúde; segunda dose de 23% do público de 65 a 69 anos; primeira dose de 3% dos trabalhadores da saúde; primeira dose de 6% dos trabalhadores das Forças Armadas e Segurança e primeira dose de 1,9% das pessoas de 60 a 64 anos.

Já as 53 mil doses da Astrazeneca serão utilizadas para a primeira dose de 46% das pessoas de 65 a 69 anos; primeira dose de 0,5% dos idosos de 60 a 64 anos.

No entanto, um questionamento foi levantado pela população, como vacinar as pessoas de 60 a 64 anos, se há cidades em que ainda não foram vacinados os de 65 a 69?

Segundo informado, a Sesapi repassa uma certa quantidade de vacinas para cada município. No entanto, apesar de seguirem um plano nacional, cada cidade age conforme a organização de cada secretaria municipal que vacina por faixa etária ou por classes prioritárias, como trabalhadores de saúde e das Forças de Segurança Pública que estão na linha de frente no combate ao Covid-19.

Em Teresina, por exemplo, os idosos de 65 anos ainda não foram vacinados [Nesta faixa etária, apenas acamados receberam a dose na capital], enquanto outros municípios do interior, já chegaram, inclusive, a aplicar doses no grupo de 60 anos.

FMS divulga nota anunciando vacinação de público de 65 e 66 anos

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina divulgou hoje, 15, o calendário de vacinação contra a Covid-19 dos próximos dias. A FMS chama atenção que pela manhã devem comparecer aos postos as mulheres e pela tarde os homens.

Amanhã, 16, serão aplicadas segundas doses de vacina em pessoas de 78 anos. No sábado, 17, acontecerão segundas doses para a faixa etária de 77 anos e também primeiras doses para pessoas com 66 anos. Domingo é a vez das pessoas de 65 anos garantirem suas primeiras doses.


Drives vacina Covid de 16, 17 E 18 de abril

16 de abril (9h às 13h – mulheres) – (13hàs 17h homens)
SEGUNDA DOSE 78 anos
• Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Campus Torquato Neto – Rua João Cabral, 2231, Bairro Pirajá.
• Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU – Norte) – Avenida Ministro Sergio Mota, S/N, Bairro Santa Maria da Codipi.
• Terminal de Integração Zoobotânico – Avenida Presidente Kenedy, Bairro Zoobotânico.
• Teresina Shopping – Edifício Garagem G1 – Avenida Raul Lopes, 1000, Bairro dos Noivos.
• Terminal de Integração Livramento – Avenida dos Expedicionários, S/N, Bairro Dirceu.
• Faculdade Estácio de Teresina – Estacionamento da Faculdade na Avenida dos Expedicionários, Bairro São João.
• Terminal de Integração Parque Piauí – Avenida Marechal Juarez Távora, 118, Bairro Parque Piauí (próximo ao clube dos Cem).
• Terminal de Integração Bela Vista – Avenida Prefeito Wall Ferraz, Bairro Bela Vista.
• Centro Universitário Santo Agostinho – Avenida Professor Valter Alencar, 855, Bairro São Pedro.

17 de abril (9h às 13h – mulheres) – (13hàs 17h homens)
PRIMEIRA DOSE 66 ANOS:
• Centro Universitário Santo Agostinho – Avenida Professor Valter Alencar, 855, Bairro São Pedro;
• Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU- Norte);
• Terminal de Integração Buenos Aires;
• Terminal de Integração Zoobotânico;
• Terminal de Integração Bela Vista;
• Terminal de Integração Livramento;
• Centro Universitário Uninovafapi;
• Terminal de Integração Itararé

SEGUNDA DOSE 77 ANOS:
• Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Campus Torquato Neto – Rua João Cabral, 2231, Bairro Pirajá;
• Terminal de Integração Parque Piauí – Avenida Marechal Juarez Távora, 118, Bairro Parque Piauí (próximo ao clube dos Cem);
• ADUFPI – Av. Universitária, 391, Bairro Ininga;
• Teresina Shopping – Edifício Garagem G1 – Avenida Raul Lopes, 1000, Bairro dos Noivos;
• Faculdade Estácio – Av. dos Expedicionários, 790 – São João

18 de abril (9h às 13h – mulheres) – (13hàs 17h homens)
PRIMEIRA DOSE 65 ANOS:
Centro Universitário Santo Agostinho – Avenida Professor Valter Alencar, 855, Bairro São Pedro;
• Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU- Norte);
• Terminal de Integração Buenos Aires;
• Terminal de Integração Zoobotânico;
• Terminal de Integração Bela Vista;
• Terminal de Integração Livramento;
• Centro Universitário Uninovafapi;
• Terminal de Integração Itararé
• Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Campus Torquato Neto – Rua João Cabral, 2231, Bairro Pirajá;
• Terminal de Integração Parque Piauí – Avenida Marechal Juarez Távora, 118, Bairro Parque Piauí (próximo ao clube dos Cem);
• ADUFPI – Av. Universitária, 391, Bairro Ininga;
• Teresina Shopping – Edifício Garagem G1 – Avenida Raul Lopes, 1000, Bairro dos Noivos;
• Faculdade Estácio – Av. dos Expedicionários, 790 – São João

Continue Lendo

Teresina

Justiça derruba decreto de Dr. Pessoa e proíbe abertura do comércio na sexta-feira (16)

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Divulgação

O juiz Aderson Antônio de Brito Nogueira, da 1ª Vara dos Feitos da Fazenda Pública da Comarca de Teresina, derrubou através de liminar, o decreto publicado pelo prefeito de Teresina, Dr. Pessoa (MDB), que autorizava o funcionamento do comércio até sexta-feira (16/04) na capital.


O pedido foi feito pelo Governo do Piauí, que alegou que o decreto assinado por Pessoa enfraquece as medidas sanitárias adotadas pelo Estado. Dessa forma, o magistrado acatou o pedido do governo e, estipulou que apenas os serviços essenciais devem permanecer em funcionamento na sexta-feira. Dessa forma, o funcionamento do comércio em geral dos dias 16 a 18 de abril será exclusivamente para sistema delivery ou drive-thru. Em caso do não cumprimento da liminar, a Prefeitura de Teresina terá que pagar multa no valor de R$ 50 mil.

Essa é a segunda vez que há divergências entre a Prefeitura e o governo sobre a abertura das atividades comerciais em Teresina. 

Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat