Siga as Redes Sociais

Teresina

Com transporte coletivo parado há 20 dias, Setut diz que ‘não é possível realizar acordos’

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Reprodução/Whatsapp

O transporte coletivo de Teresina está totalmente parado há 20 dias, devido a greve deflagrada por motoristas e cobradores. Nessa quarta-feira (03), motoristas e cobradores se reuniram em um ato em frente ao Palácio da Cidade, pedindo intervenção da Prefeitura de Teresina nas negociações junto aos empresários.

No entanto, o Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Passageiros de Teresina (Setut), emitiu uma nota nesta quinta-feira (04) informando que, não julga possível realizar acordos diante do atual ‘cenário incertezas’, provocado pela pandemia.

“Com o surgimento da pandemia da Covid-19, o sistema passou a transportar apenas 5% da demanda, durante estes 50 dias até o momento, resultando em um impacto negativo na arrecadação que não cobre sequer os custos básicos, como o óleo diesel. Após o início da greve (15/5/20), o sistema de transporte está totalmente parado há 20 dias”, diz trecho da nota.

O Sindicato ainda esclareceu que, apesar disso, as empresas seguirão realizando o que está ao seu alcance e de acordo com a legislação vigente.

Leia nota na íntegra

O Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Passageiros de Teresina (SETUT) informa que o prazo da última convenção coletiva encerrou em janeiro de 2020 e, ao final deste período, não houve possibilidade de nova renegociação com os trabalhadores, dentro das possibilidades e das projeções econômicas para este ano. 

Com o surgimento da pandemia da Covid-19, o sistema passou a transportar apenas 5% da demanda, durante estes 50 dias até o momento, resultando em um impacto negativo na arrecadação que não cobre sequer os custos básicos, como o óleo diesel. Após o início da greve (15/5/20), o sistema de transporte está totalmente parado há 20 dias. 

Diante desta queda na arrecadação, o SETUT informou ao Sindicato dos Trabalhadores em Empresa de Transportes Rodoviários do Piauí (Sintetro-PI) que as empresas cumprirão o que rege à normativas concedidas pelo Governo para ajudar o setor patronal. 

O SETUT reforça ainda que compreende o atual momento enfrentado pela classe laboral, mas não julga possível realizar acordos diante deste atual período de incertezas. 

As projeções econômicas nacionais para o setor de transportes, preveem queda próximo aos 50% na demanda. Portanto, as empresas reforçam que seguirão realizando o que está ao seu alcance e de acordo com a legislação vigente. Paulatinamente, serão revistos periodicamente o cenário do setor, e conforme os avanços ou decréscimos observados na economia, será discutido com o sindicato laboral o que ainda poderá ser feito para, juntos, tentar manter o sistema de transporte público ativo.

Teresina

Covid-19: Avião da FAB com pacientes de Manaus desembarca em Teresina

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Momento em que avião pousou em solo teresinense com pacientes vindos de Manaus-AM.

Desembarcou nesta sexta-feira (15/01), no Aeroporto Petrônio Portela, em Teresina, o avião da Força Aérea Brasileira (FAB), com nove pacientes vindos da cidade de Manaus-AM, em Teresina.

No local, equipes da Fundação Municipal de Saúde estão a postos com uma van e 11 ambulâncias – duas de suporte avançado, seis de suporte intermediário e três de suporte básico -para realizar o transporte até o Hospital Universitário (HU).

A FMS ainda explica que os leitos ocupados foram criados especialmente para receber estes pacientes, não acarretando em prejuízo para a população de teresinense.

Gilberto Albuquerque, presidente da FMS, comentou sobre a chegada dos pacientes e as expectativas para o tratamento dos mesmos.

“Estamos com a equipe pronta para dar assistência a esses pacientes que vieram de tão longe, cheios de esperança. E também, para que eles possam ser assistidos da melhor forma possível com toda segurança e qualidade que o Piauí pode oferecer a esses irmãos amazonenses, que passam por esse momento de tamanha dificuldade, disse o presidente da FMS.

Continue Lendo

Teresina

Ministério da Saúde encaminha à Teresina 30 pacientes com Covid-19 vindos de Manaus

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Divulgação


Atualização

A Fundação Municipal de Saúde informou na tarde desta quinta-feira (14/01) que, em função de problemas de logística no abastecimento de oxigênio no avião da Força Aérea Brasileira que traria os pacientes de Manaus-AM para Teresina, o vôo sofreu um atraso. A chegada dos pacientes, que seria às 13h, agora está prevista está prevista para as 18h.

——

Equipes do Ministério da Saúde estão em Manaus-AM remanejando pacientes com Covid-19 para cidades brasileiras que tem suporte em saúde para recebê-los. Uma delas é Teresina, que receberá 30 pacientes nesta quinta-feira (14/01), que serão transportados avião da Força Aérea Brasileira. A previsão é de que a aeronave pouse em solo piauiense às 13h.

Segundo a Fundação Municipal de Saúde (FMS), na madrugada de hoje, o ministro da saúde, Eduardo Pazuello, entrou em contado com o presidente da FMS, Gilberto Albuquerque, informando que enviaria os pacientes para a capital.

“Já organizamos a logística de recebimentos dos pacientes. Ambulâncias avançadas, equipe de triagem, oxigênio, máscaras, cadeiras de rodas, apoio de transporte. O Hospital Universitário irá receber os pacientes”, informou Gilberto Albuquerque.

Segundo Albuquerque, 11 ambulâncias serão disponibilizadas para o transporte dos pacientes, sendo duas avançadas e nove básicas.

“Os pacientes são clínicos. Faremos a triagem deles ainda dentro do avião para analisarmos o quadro de saúde antes de realizarmos o transporte”, finalizou.

Colapso

O estado do Amazonas sofre com uma segunda onda da covid-19 e a capital do estado enfrenta a alta das internações, que já são em maior número do que as registradas em dezembro.

São 235 pacientes do Amazonas que serão levados a outros 6 estados para receber atendimento médico devido ao colapso no sistema de saúde local, segundo informou o governador Wilson Lima nesta quinta-feira (14). Em situação de caos, os hospitais estão lotados e sem oxigênio para os pacientes infectados com coronavírus. 

A capital amazonense passa por um aumento dramático no número de casos, internações e mortes por Covid-19 — a média móvel de mortes cresceu 183% nos últimos 7 dias. 

Continue Lendo

Teresina

Motorista perde controle e capota carro na zona Leste de Teresina

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Imagem recebida através de rede social

Um carro capotou na tarde desta quarta-feira (13/01), na Avenida Raul Lopes, zona Leste de Teresina. Conforme testemunhas, o condutor teria perdido o controle da direção ao passar por uma tartaruga de sinalização (um obstáculo horizontal que serve como divisória da pista). Com isso, ele acabou tombando o veículo.

Com o acidente, o motorista, identificado como Fernando Dias, de 28 anos sofreu algumas escoriações pelo corpo. Ele chegou a receber atendimento de uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e passa bem.

Também houve registro de vazamento de gasolina e por isso, uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada pra atender a ocorrência. O problema já foi resolvido. A

Polícia Militar esteve no local acidente e isolou a área até a chegada da equipe da Companhia Independente de Policiamento de Trânsito (Ciptran) para realização dos os procedimentos cabíveis.

Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat