Siga as Redes Sociais

Teresina

Ministério da Saúde encaminha à Teresina 30 pacientes com Covid-19 vindos de Manaus

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Divulgação


Atualização

A Fundação Municipal de Saúde informou na tarde desta quinta-feira (14/01) que, em função de problemas de logística no abastecimento de oxigênio no avião da Força Aérea Brasileira que traria os pacientes de Manaus-AM para Teresina, o vôo sofreu um atraso. A chegada dos pacientes, que seria às 13h, agora está prevista está prevista para as 18h.

——

Equipes do Ministério da Saúde estão em Manaus-AM remanejando pacientes com Covid-19 para cidades brasileiras que tem suporte em saúde para recebê-los. Uma delas é Teresina, que receberá 30 pacientes nesta quinta-feira (14/01), que serão transportados avião da Força Aérea Brasileira. A previsão é de que a aeronave pouse em solo piauiense às 13h.

Segundo a Fundação Municipal de Saúde (FMS), na madrugada de hoje, o ministro da saúde, Eduardo Pazuello, entrou em contado com o presidente da FMS, Gilberto Albuquerque, informando que enviaria os pacientes para a capital.

“Já organizamos a logística de recebimentos dos pacientes. Ambulâncias avançadas, equipe de triagem, oxigênio, máscaras, cadeiras de rodas, apoio de transporte. O Hospital Universitário irá receber os pacientes”, informou Gilberto Albuquerque.

Segundo Albuquerque, 11 ambulâncias serão disponibilizadas para o transporte dos pacientes, sendo duas avançadas e nove básicas.

“Os pacientes são clínicos. Faremos a triagem deles ainda dentro do avião para analisarmos o quadro de saúde antes de realizarmos o transporte”, finalizou.

Colapso

O estado do Amazonas sofre com uma segunda onda da covid-19 e a capital do estado enfrenta a alta das internações, que já são em maior número do que as registradas em dezembro.

São 235 pacientes do Amazonas que serão levados a outros 6 estados para receber atendimento médico devido ao colapso no sistema de saúde local, segundo informou o governador Wilson Lima nesta quinta-feira (14). Em situação de caos, os hospitais estão lotados e sem oxigênio para os pacientes infectados com coronavírus. 

A capital amazonense passa por um aumento dramático no número de casos, internações e mortes por Covid-19 — a média móvel de mortes cresceu 183% nos últimos 7 dias. 

Teresina

Idosos de 81 a 84 anos serão vacinados contra a Covid-19 a partir desta sexta (05)

Saiba onde ficam os pontos de vacinação.

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

A campanha de imunização contra a Covid-19, segue em Teresina e atinge novos públicos. Nesta sexta-feira (05/03), serão vacinados, em Teresina, os idosos com 83 e 84 anos. Já no sábado (06/03), serão vacinados os idosos de 81 e 82 anos. Eles deverão ir aos pontos de drive thru instalados na capital de 09h às 13h.

“Abriremos cinco pontos de vacinação, sendo quatro deles apenas pela manhã (de 9h às 13h) e o do Shopping Teresina o dia todo (9h às 17h). Pretendemos vacinar uma média de 4 mil idosos de 81 a 84 anos. Os idosos de 80 anos não serão vacinados agora, pois recebemos doses insuficientes para ampliar para esse grupo. Avisaremos quando chegarem as doses destinadas a eles”, explica Ayla Calixto, gerente de Ações Estretégicas.

Confira onde estão localizados os pontos de vacinação que funcionarão de 9h às 13h:

  • 1 – Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Campus Torquato Neto – Rua João Cabral, 2231, Pirajá;
  • 2 – Centro Universitário UNINOVAFAPI – Rua Vitorino Orthiges Fernandes, 6123, Uruguai;
  • 3 – Centro Universitário Santo Agostinho – Avenida Professor Valter Alencar, 855, São Pedro;
  • 4 – ADUFPI – Av. Universitária, 391, Ininga.

O ponto de vacinação que ficará no Teresina Shopping – Edifício Garagem G1, localizado na Avenida Raul Lopes, 1000, Bairro dos Noivos, funcionará de 9h às 17h.

“Os idosos precisam levar ao ponto de vacinação: documento de identificação com foto e data de nascimento; CPF ou cartão nacional do SUS e comprovante de residência da cidade de Teresina-PI”, explica Ayla.

Continue Lendo

Teresina

Provas do concurso da Câmara de Teresina são suspensas pela segunda vez

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

As provas do concurso Câmara Municipal de Teresina (PMT), que estavam previstas para acontecer no próximo dia 14, foram suspensas, pela segunda vez. Segundo comunicado, na página oficial da banca organizadora do concurso, a decisão foi tomada por conta do crescimento dos casos de Covid-19 no estado.

O edital do concurso público trazia nove vagas imediatas, distribuídas entre os seguintes cargos:

  • 5 vagas para Assistente Legislativo (nível médio)
  • 1 vaga para Procurador Legislativo (nível superior)
  • 2 vagas para Assessor Jurídico (nível superior)
  • 1 vaga para Analista de Informática (nível superior)

Os salários iniciais são de R$ 2.006,15 até R$ 6.008,70.

Além disso, o presidente da Casa, vereador Jeová Alencar (MDB), também informou que, caso os números da doença sigam crescentes no estado, as medidas restritivas impostas na Câmara podem ser prorrogadas por mais 30 dias. Entre as quais se destacam a realização de sessões de forma híbrida às quartas-feiras, onde os parlamentares poderão optar por participar de forma presencial ou remota. Além da redução do número de servidores presencialmente.

O acesso à Casa também será restrito aos parlamentares, servidores e profissionais de imprensa devidamente identificados.

Continue Lendo

Teresina

PMT diz que não houve cortes nos salários de profissionais da saúde e responsabiliza Governo Federal por retirada de extras

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Após manifestação dos profissionais de saúde realizada nesta terça-feira (02/03), a Prefeitura de Teresina emitiu uma nota afirmando que não houve corte nos salários dos servidores da saúde que eles continuam recebendo os 20% do adicional de insalubridade impostos pela lei.

No comunicado, a Prefeitura ainda atribui os cortes de horas extras ao Governo Federal e explica que, apesar do fim do repasse, de em torno R$ 13 milhões, o governo municipal manteve os pagamentos ainda no mês de janeiro.

Entre os pontos reivindicados pelos manifestam estão:

  • Corte da majoração da insalubridade 
  • Corte adicional do plantão
  • Cortes de salários do setor Covid 
  • Descontos abusivos por faltas
  • Uso das verbas do Previne sem repassar à categoria

Os profissionais ainda anunciaram a paralisação das atividades até sexta-feira (05/03) e adiantaram que, caso não haja um acordo plausível, a categoria pode deflagrar uma greve por tempo indeterminado.

Leia nota na íntegra

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina esclarece que não houve corte nos salários dos profissionais de saúde, eles continuam recebendo a insalubridade de 20% imposta em lei. O Governo Federal retirou os extras que eram recebidos em 2020 através de financiamento do Ministério da Saúde. O repasse financeiro do Ministério da Saúde girava em torno de R$ 13 milhões por mês e custeava despesas Covid em geral (incluindo os acréscimos salariais). O montante do MS foi cortado em dezembro de 2020. 

A Prefeitura de Teresina manteve ainda em janeiro de 2021,com recursos próprios, os pagamentos integrais. A FMS informa ainda que existe uma mobilização nacional das Prefeituras para tentar ver o custeio dessa despesa Covid junto ao Ministério da Saúde, mas os municípios ainda não obtiveram sucesso. 

O Ministério da Saúde cortou o custeio de despesas Covid como um todo, não só referente aos pagamentos extras para profissionais de saúde. Houve corte também quanto aos pagamentos de custos com insumos e outras despesas. A FMS custeia, no momento, com recursos próprios todas as despesas Covid na capital.

Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat