Siga as Redes Sociais

Polícia

Em áudios, policiais presos criticam investigações e relatam ‘saudade de matar’; Ouça!

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Armas apreendidas com os presos.

A Operação Dictum deflagrada pelas Polícias Civil e Militar nesta segunda-feira (02) resultou na prisão de policiais militares e civil. O delegado Gustavo Jung, do Grupo de Repressão Ao Crime Organizado (Greco) explicou que praticados entre os crimes praticados pelos policiais estão formação de quadrilha, roubo de carga, extorsão, tráfico de drogas, comércio ilegal de arma de fogo e execuções (Ouça os áudios ao final da matéria!).

Em entrevista coletiva, a polícia informou que dos 16 investigados, 13 são policiais militares, um policial civil, além de duas pessoas comuns. Desse total, foram presos dez PMs, o policial civil e as outras duas pessoas. Os três PM’s restantes devem se apresentar nas próximas horas.

“São inúmeros os crimes supostamente cometidos por esses policiais. As ações variam de roubo de cargas, tráfico de drogas, onde eles estouravam bocas de fumo e revendiam as drogas, a execução. Eles cobravam 20 a 30 mil reais para executar uma pessoa. Combinavam o dia, a hora e faziam uma espécie de ‘revezamento’ para cometerem os crimes’, informou o delegado Gustavo Jung.

O líder da quadrilha foi identificado como Wanderlei Silva, expulso da polícia por envolvimento no roubo ao Banco do Nordeste no ano de 2017.

O delegado Tales Gomes, coordenador do Greco, explicou como ocorreram as operações. “A ação resultou de um ano de investigações, que foram iniciadas após a apreensão de uma carga de televisões roubadas em dezembro do ano passado, além disso, eles roubavam cargas de cigarros e revendiam em outros pontos. Não à toa tivemos grandes apreensões de cigarros contrabandeados esse anos. No total, foram realizadas três etapas: em janeiro, maio e agora. Tudo foi tratado com muita cautela, por se tratarem de pessoas de dentro das corporações. “, disse o delegado.

Na operação, também foram apreendidas armas como carabinas, pistola Beretta, revolveres calibre .38 e .12.

O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Lindomar Castilho, informou que está sendo instaurado um processo administrativo, através da corregedoria, para apurar o envolvimento dos PM’s na organização criminosa e, afirmou que os mesmos podem ser expulsos da corporação.

“Vamos apurar com todo rigor. Que tiver cometido crimes usando a farda da Polícia Militar, vai pagar por isso. Além de responderem pelo crime comum, nós estamos instaurando um procedimento administrativo através da corregedoria, que poderá resultar, inclusive, na expulsão desses policiais. Então, vamos iniciar o processo agora, colocando todos eles em um Conselho de Disciplina e, após os procedimentos necessários e comprobatórios, dar entrada no processo de expulsão”, informou o comandante.

Em áudios interceptados de aplicativos de mensagem e disponibilizados pelas forças de segurança, os investigados combinam as ações criminosas, zombam das ações do Greco e um deles chega a falar sobre a ‘saudade de matar’. Ouça!

Polícia

Homem baleado em pagode durante briga passa por cirurgia para retirar bala

Redação Encarando

Publicado

em

Na noite dessa sexta-feira (06), Rudson Vieira Batista passou por uma cirurgia, no hospital São Marcos, para remover uma bala que ficou alojada na clavícula, após ele ter sido baleado durante uma briga em um pagode na zona norte de Teresina.

O crime ocorreu no último domingo (1°) durante uma discussão entre Rudson e o Policial Militar Max Kellyson. Segundo a família de Rudson, ele continua na UTI, e ainda não sente as pernas e nem o braço, que ficou alojada a bala na clavícula.

O militar foi soltou na última terça (03) durante audiência de custódia.

Continue Lendo

Polícia

Mãe é presa e crianças apreendidas por furtar 400 litros de combustível na BR-343

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: PRF

Policiais Rodoviários Federais prenderam uma mulher de 32 anos e apreendeu os filhos, uma criança do sexo masculino de 10 anos, uma adolescente de 12 anos e um adolescente de 15 anos, por furto de gasolina na BR-343, em Teresina-PI. O fato aconteceu na madrugada de hoje (06).

Os policiais chegaram até a família através de uma denúncia anônima feita pelo número de emergência 191. No local indicado, eles flagraram a família furtando combustível de um veículo de carga, que estava carregado com o produto.

No total, foram apreendidos em torno de 400 litros de combustível que havia sido retirado do caminhão. Ao conversar com testemunhas, os policiais verificaram que essas pessoas já praticavam esse tipo de crime a algum tempo e, que é recorrente sempre no mesmo posto de combustível.

De acordo com a PRF, houve uma tentativa de fuga da mulher e dos adolescentes porém, os policiais conseguiram interceptá-los e encaminhá-los para a Central de Flagrantes na cidade de Teresina. Todos poderão responder por furto e a mulher poderá responder por colocar em situação de risco as crianças e o adolescente.

Continue Lendo

Polícia

Três pessoas são baleadas após dupla invadir bairro e efetuar disparos em Água Branca

A polícia acredita que o crime seja um acerto de contas relacionado ao tráfico de drogas.

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Três pessoas ficaram feridas após serem alvejadas por disparos de arma de fogo no bairro Portelinha, na cidade de Água Branca-PI, na noite dessa quinta-feira (05).

De acordo com testemunhas, os disparos foram efetuados por uma dupla que estava em uma motocicleta de cor preta. Populares ainda informaram à polícia que os suspeitos usavam capacetes e jaquetas e, se direcionaram ao bairro. Chegando no local, efetuaram vários disparos, deixando os três feridos. A suspeita é de que a ação tenha tido como alvo um ex-presidiário conhecido como Cardiné, que foi alvejado com um disparo no braço, mas conseguiu fugir.

As outtras vítimas foram a irmã do alvo, Fenanda, e um amigo identificado apenas como Cleiton.

Os três foram encaminhados para o Hospital Municipal Senador Dirceu Mendes Arcoverde, onde receberam os primeiros atendimentos. Todos estão foram de perigo, mas devem ser transferidos para Teresina.

A polícia acredita que o crime seja um acerto de contas e esteja relacionado ao uso e venda de drogas.

A Força Tática realiza diligências pela região, mas até o momento ninguém foi preso.

Com informações do Canal 121

Continue Lendo
Acqua Blu

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat