Siga as Redes Sociais

Polícia

Proprietários do sítio usado para planejar explosões de bancos são presos

Os dois irmãos estavam foragidos e foram encontrados na zona Rural de São João da Canabrava.

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Policiais da Força Tática de Valença-PI prenderam na noite dessa quinta-feira (09) dois irmãos, identificados como Delson Ferreira de Moura, 29 anos, e Demilson Ferreira de Moura, de 26 anos, suspeitos de envolvimento nas ecplosões das agências bancárias de Campo Maior.

De acordo com a polícia, os dois são proprietários da chácara onde todo o crime foi planejado.

“Após localizarmos a propriedade e apreendermos o veículo modelo Corolla roubado em Teresina e os demais artefatos utilizados para explosão aos bancos, continuamos as diligências em busca de mais pessoas envolvidas no crime e chegamos até os proprietários da chácara, que são dois irmãos”, informou o comandante da CIA de Valença.

As informações sobre a participação dos irmãos foram levantadas pelo serviço de inteligência da Força Tática. Ambos haviam fugido da localidade Conceição, zona rural de São João da Canabrava, e estavam escondidos na residência de uma tia em Inhuma.

Os irmãos são parentes do líder da organização criminos, Paulo França, morto em confronto com as forças de segurança em Barras.

Demilson Ferreira confessou aos policiais que receberia uma compensação financeira pela cessão da casa e ajuda na logística.

Após a prisão, as equipes retornaram a localidade Sítio Velho, onde encontraram no entorno da propriedade explosivos, rádio comunicador, cordel detonante e rojões onde os criminosos retiravam a pólvora para montagem do explosivo.

Todo o material apreendido, bem como a dupla foi apresentada na delegacia regional de Valença-PI.

Polícia

Polícia Civil cumpre mandados em empresa de transporte escolar no PI

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Divulgação/PC

A Polícia Civil do Estado do Piauí, através da Delegacia de Combate à Corrupção (DECCOR), acompanhada de auditores do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI), deflagrou nesta quinta-feira (04/03), na cidade de Paulistana-PI, a Operação Liderança, cujo objetivo é colher informações, documentos e provas sobre as contratações mantidas pelo referido município com a empresa Lider Transportes e Serviços.     

No trabalho, os investigadores descobriram que, mesmo sem possuir patrimônio, estrutura e capacidade técnica-operacional, a empresa líder Transportes e Serviços sempre foi a única vencedora das sucessivas licitações com o município investigado ao longo dos últimos anos, sempre com o objetivo de locar veículos para a administração pública, em especial para o transporte escolar.    

Pelo apurado, só no ano de 2018, as contratações apresentaram indícios de sobrepreços da ordem de mais de 40%, o que apontam indícios de desvio/expropriação de recursos públicos.   A investigação envolve a apuração dos crimes de associação criminosa, peculato, fraude à licitação, entre outros. 

Foto: Divulgação/PC

Na operação, estão sendo cumpridos nove mandados de busca e apreensão expedidos pelo Juízo de Paulistana. Na decisão judicial, foi determinado ainda o sequestro patrimonial e a indisponibilidade de mais R$ 15 milhões da empresa investigada e de seus proprietários.  O título da operação faz alusão ao nome da empresa e ao fato dela ter sido a única vencedora das licitações do referido município com o objetivo de locar veículos.

Participam dos trabalhos policiais da DECCOR, GPE, GPI, Depre, Greco-Core, DRCI, Delegacia de Picos, Delegacia de Paulistana e Auditores do TCE-PI.   

Foto: Divulgação/PC
Continue Lendo

Polícia

Corpo de homem é encontrado boiando no Rio Parnaíba em Teresina

Avatar

Publicado

em

O corpo de um homem, ainda não identificado, foi encontrado boiando na tarde desta quarta-feira (03) no Rio Parnaíba, na região do bairro Acarape, na zona norte de Teresina.

O corpo foi encontrado por populares, e resgatado do Rio Parnaíba por uma equipe do Corpo de Bombeiros. A polícia ainda não sabe se a vítima morreu afogada, ou foi vitima de um crime violento. O corpo será periciado.

O Instituto de Medicina Legal (IML) foi acionado para remover o corpo.

Continue Lendo

Polícia

PRF apreendeu mais de R$ 17 milhões em drogas nas rodovias federais piauienses

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou nesta quarta-feira (03/03), os números referentes ao cenário de combate à criminalidade durante o ano de 2020. Ao todo, foram 1.498 pessoas presas pelo cometimento de diversos crimes.

Com relação ao combate ao tráfico de drogas, Foram 43 pessoas presas por esse crime resultando na apreensão de 436,0kg de maconha, 145,7kg de cocaína e 14,2kg de crack. O diferencial esse ano foi a qualidade da droga apreendida, principalmente por se tratar, na sua maioria, de cloridrato de cocaína, pasta base e skunk que são drogas de alto teor de pureza. Por ter um alto valor, a PRF deu um prejuízo aos traficantes na ordem de R$ 17.521.704,00.

A PRF realizou a apreensão de 1.929 unidade de anfetaminas, resultado que representa um aumento de 63,8% se comparado ao ano de 2019. A maioria das apreensões ocorreram na posse de condutores de veículos de carga que utilizam esse medicamento para permanecer mais tempo acordado e consequentemente dirigindo. Todas as pessoas flagradas nesse tipo de ocorrência foram autuadas e responderão pelo crime de Porte de Droga Para Consumo.

Com relação ao crime de contrabando, a PRF prendeu 13 pessoas pelo cometimento desse tipo criminal e apreendeu 630.100 maços de cigarros, um prejuízo de R$ 3.150.500,00 às organizações criminosas.

No combate aos crimes ambientais, a PRF PI superou em 25,0% a quantidade de madeiras apreendidas em 2019. Foram 2.779,92 m³ de madeira que daria pra construir 1.854 casas populares. Toda a madeira foi apreendida e encaminhada aos órgãos ambientais.

A instituição realizou em 2020 a apreensão de 40 armas de fogo de diversos calibres e 439 unidades de munições, além disso a PRF realizou a apreensão de R$ 487.249,00 que estava em poder de organizações criminosas. Esse valor supera em 98,1% a quantidade de dinheiro apreendida em 2019.

Sobre o trabalho de combate às fraudes veiculares, a PRF esteve no cenário nacional como um dos estados que mais recuperam veículos roubado ou adulterados. Foram 448 veículos recuperados, superando em 35,8% a quantidade realizada em 2019 e 239 veículos que estavam adulterados, superando em 25,8% a quantidade de veículos em 2019.

A instituição registrou também 699 pessoas que foram presas cometendo Crimes de Trânsito. Isso representa um aumento de 26,6% se comparado ao ano de 2019, indicando o trabalho da PRF em dar segurança às pessoas que transitam por nossas rodovias federais.

A PRF no Piauí analisa que esses índices positivos representam o esforço e a dedicação de cada Policial Rodoviário Federal norteado pelos valores da instituição.

Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat