Siga as Redes Sociais

Política

Com morte de Assis Carvalho, Merlong Solano se torna titular na Câmara Federal

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Com a morte do deputado Assis Carvalho (PT), vítima de um infarto, na tarde desse domingo (06) na cidade de Oeiras-PI, Merlong Solano (PT), que é atualmente secretário de Administração e Previdência do Piauí (SEADPREV) deixa a suplência e se torna parlamentar titular na Casa.

A expectativa é que Merlong assuma o cargo, já que há acordos envolvem o interesse do PT nacional em manter o tamanho de sua bancada. Com isso, o deputado Paes Landim (PTB) assume a primeira suplência. 

Merlong ainda não se pronunciou sobre a mudança e lamentou a morte do companheiro de partido.

“O PT perde um grande articulador, dedicado ao fortalecimento do partido e às causas sociais. Que sua falta não esmoreça a nossa luta. Que sua força e determinação sirvam de inspiração para as presentes e futuras gerações petistas, em um mundo onde pensar o coletivo é cada vez mais imprescindível”.

Leia na íntegra

Difícil lidar com uma notícia tão impactante como o falecimento de um companheiro como o deputado Assis Carvalho, ainda mais de forma tão repentina. Um sentimento de tristeza atravessa todos nós, que compartilhamos com Assis o campo de batalha por um Brasil mais justo para todos e todas.

O PT perde um grande articulador, dedicado ao fortalecimento do partido e às causas sociais. Que sua falta não esmoreça a nossa luta. Que sua força e determinação sirvam de inspiração para as presentes e futuras gerações petistas, em um mundo onde pensar o coletivo é cada vez mais imprescindível. 

À família do companheiro Assis, o meu abraço fraterno.

Política

Empresário diz que loja de Flávio Bolsonaro fraudava notas fiscais

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Oempresário que vendeu ao senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) uma loja de chocolates da franquia Kopenhagen afirmou, em depoimento ao Ministério Público do Rio (MP-RJ), que sofreu ameaças ao tentar denunciar que a unidade do filho do presidente Jair Bolsonaro fraudava notas fiscais. A informação foi revelada nesta quinta-feira, 13, pelo Jornal Nacional, que teve acesso ao documento.

De acordo com o depoimento de Cristiano Correia Souza e Silva, a unidade da franquia pertencente a Flávio, localizada em um shopping na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, vendeu produtos por um valor menor do que o preço tabelado pela marca. Panetones, por exemplo, que deveriam custar R$ 100, foram vendidos por R$ 80 no Natal de 2016.

Cristiano denunciou a prática à matriz, que, segundo ele, realizou um procedimento de fiscalização, no qual constatou que as notas fiscais eram emitidas com o preço cheio, mas o cliente pagava um valor menor do que o registrado.

O grupo CRM, detentor da marca Kopenhagen, confirmou que a unidade sofreu advertência e multa pela infração contratual. “O Grupo CRM apurou o caso e, tendo constatado por meio da sua Diretora Comercial à época, que de fato a loja estava praticando uma promoção não autorizada, o franqueado foi imediatamente notificado, advertido e multado de acordo com as cláusulas previstas em contrato”, disse o grupo.

Após denunciar o caso, Cristiano Correia Souza e Silva relatou que ele e sua mulher sofreram ameaças do sócio de Flávio Bolsonaro na unidade, Alexandre Santini, por meio de mensagens, segundo mostrou a reportagem do Jornal Nacional. Ele afirmou ao MP que registrou ocorrência policial, mas deixou o caso de lado por medo.

A loja de Flávio é alvo de investigação de lavagem de dinheiro. Uma das hipóteses em apuração pelo Ministério Público é de que a franquia no shopping tenha sido usada para lavar recursos públicos ilegalmente desviados no suposto esquema de “rachadinha” na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj). Documentos obtidos pelo MP também mostram que a loja recebia mais dinheiro vivo que a média das franqueadas.

Estadão procurou Flávio Bolsonaro por meio de sua assessoria de imprensa. O senador não negou as acusações nem forneceu explicações sobre os motivos que teriam levado sua loja a fraudar as notas fiscais emitidas. Flávio falou em “alucinação de alguns promotores do Rio em persegui-lo”, e disse que, “com isso, buscam atacar sua imagem pública, uma vez que, processualmente, não há nada mais que eles possam fazer.”

O senador disse ainda esperar que o procurador-geral de Justiça do MP/RJ, Eduardo Gussem, “não prevarique e instaure, imediatamente, procedimento para apurar conduta criminosa desses pouco promotores de injustiça por violação de sigilo profissional, uma vez que o processo deveria correr em segredo de justiça, mas é insistentemente, trazido a público, inviabilizando a defesa do Senador dentro do devido processo legal e do contraditório”.

Fonte: Estadão Conteúdo

Continue Lendo

Política

Bolsonaro tem melhor aprovação desde o início do mandato, aponta Datafolha

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: AMANDA PEROBELLI

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) atingiu sua melhor avaliação desde o início do mandato, segundo pesquisa Datafolha divulgada pelo jornal “Folha de S.Paulo” no final da noite desta quinta-feira (13).

A pesquisa indica alta no número de eleitores que consideram o governo ótimo ou bom (aprovação ao governo) e queda entre os que veem o governo como ruim ou péssimo (reprovação). Os percentuais da pesquisa são:

  • Ótimo/bom: 37%
  • Regular: 27%
  • Ruim/péssimo: 34%
  • Não sabe/não respondeu: 1%

A pesquisa Datafolha foi realizada em 11 e 12 de agosto, com 2.065 brasileiros adultos que possuem telefone celular em todas as regiões e estados do país. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

Essa taxa de aprovação de 37% é a maior já registrada desde o início do mandato de Bolsonaro.

Nas pesquisas anteriores, os resultados foram:

  • 23 e 24 de junho: Ótimo/bom: 32%; Regular: 23%; Ruim/péssimo: 44%; NS/NR: 1%
  • 25 e 26 de maio: Ótimo/bom: 33%; Regular: 22%; Ruim/péssimo: 43%; NS/NR: 2%
  • Abril de 2020: Ótimo/bom: 33%; Regular: 26%; Ruim/péssimo: 38%; NS/NR: 3%
  • 2 e 3 de abril de 2019: Ótimo/bom: 32%; Regular: 33%; Ruim/péssimo: 30%; NS/NR: 3%

O instituto também perguntou ao entrevistado se ele confia nas declarações do presidente. O resultado foi:

  • Nunca confia: 41% (anteriormente 46%, 44%, 38%, 43% e 44%)
  • Às vezes confia: 35% (anteriormente 32%, 32%, 37%, 37% e 36%)
  • Sempre confia: 22% (anteriormente 20%, 21%, 21%, 19% e 19%)
  • Não sabe: 2% (anteriormente 2%, 2%, 5%, 1% e 1%)

Fonte: G1

Continue Lendo

Política

Deputada Rejane Dias testa positivo para Covid-19

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

A deputada federal Rejane Dias (PT) está com coronavírus. A informação foi confirmada pela própria parlamentar, através de publicação nas redes sociais, realizada nesta quinta-feira (13). A deputada disse ter começado a sentir sintomas de uma gripe ainda na quarta (12), e ao realizar o exame, confirmou o diagnóstico para a doença.

Rejane afirmou que permanecerá em isolamento em casa e, que seguirá os cuidados e as orientações médicas. Enquanto os seus trabalhos na Câmara, continuarão a serem realizados de forma remota.

“Amigos, recebi o resultado do teste para coronavírus e deu positivo. Desde ontem comecei a sentir sintomas de uma gripe forte, mas que ao longo do dia de hoje foi melhorando. Seguirei com todos os cuidados e seguindo as orientações médicas. Daqui, continuarei trabalhando nas votações da Câmara”, diz a publicação da deputada.

Continue Lendo
Acqua Blu

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat