Siga as Redes Sociais

Silas Freire

JVC aparece, ano que vem ele some.

Silas Freire

Publicado

em

Já é de praxe o ex-senador João Vicente Claudino, fazer agendas públicas antes das decisões do ano eleitoral.  Essa semana ele voltou a participar de campeonatos, quermesses, reuniões, tudo para ser o centro das especulações politicas como candidato a alguma coisa. Quando o ano que vem chegar, JVC volta a não atender o celular, faz uma demorada viagem ao exterior e se isola das decisões políticas.

Dossiê  no secretariado do Índio

O governador Wellington Dias , confirmou duas mudanças do secretariado atual para o definitivo. Osmar Júnior, vai para pasta do governo e Fábio Abreu volta para segurança. A briga agora fica pela Secretaria das Cidades, que pertence atualmente ao PR de Fabio Xavier, que cresceu muito eleitoralmente nas eleições passadas. A pasta agora é alvo de cobiça do forte MDB, do PTB e do faminto PSD, de Georgiano. Dizem que nesta disputa haverá até dossiê de possíveis chefes do órgão  que tem acusações desde candidaturas laranjas a calçamentos fantasmas. O “fogo amigo” vai subir no teto.  

O ambiente “fedeu” no PSL

O ambiente do partido do presidente Bolsonaro não anda tão cheiroso no Piauí. O ex-vereador Antônio José Lira, (aquele que levou à risca a frase bíblica, Mateus primeiro os teus), reivindicando  pavimentações  onde só  tinham seus  imóveis, foi taxativo com o vereador Luiz André (PSL-PI), o chamando de vendido. Lira, ainda fez questão de frisar que o PSL será o “chiqueiro” do Palácio da Cidade. E olha que o vereador, ainda anda é longe de ser presidente da sigla no estado.

O Rato e Coronel

Depois de analisar documentos e rastros de provas apreendidas na operação “ Boca Livre”, a Polícia Federal já sabe quem vai para cadeira por conta da licitação fraudulenta de 2014. A PF monta o xadrez com quem possa ter dado continuidade a patifaria, identificando  quem seja o codinome “Coronel” e  buscando  descobrir quem seja  o “Rato”. Para os investigadores, o codinome que leva o nome do  roedor,  já pratica corrupção há muito tempo dentro da Seduc.  

“Bolsa anti-traição”

O deputado federal da bancada Evangélica, Sontenes Cavalcante (DEM-RJ), fez uma proposta inusitada na Câmara dos Deputados. Ele propôs reuniões com os cônjugues dos parlamentares para, segundo ele, “evitar traições”.  O deputado fluminense foi mais longe sugerindo a criação de um fundo para bancar as viagens dos conjugues. Na prática, o deputado quer criar o auxílio anti-chifre. Aí a Jelta é demais.

Começou no almoço com Toffoli

Há quem diga que o “calundu” do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), com o Planalto tenha iniciado depois da prisão do ex-ministro Moreira Franco, padrasto da esposa de Maia, quando na verdade foi só o estopim. Maia, está irritado com o presidente Bolsonaro desde o fim de semana, quando o convidou para almoçar em Brasília, e ao presidente do STF, Dias Toffoli. O que ele não esperava era a presença de mais 20 ministros e assessores, evitando assim, que o encontro fosse reservado. Ao sair da reunião, o capitão escreveu nas redes sociais ataques à “velha política” e à pressão por cargos, o filho, vereador Carlos Bolsonaro (PSL-RJ), criticou articulações de Maia sobre a reforma. O certo é que Maia, tem sido o porta-voz da reclamação de deputados por espaços no governo, e tornou- se alvo de Bolsonaro por não aceitar o toma-lá-dá-cá. Haja calundu!













Silas Freire

Onde erraram os Tucanos?

Silas Freire

Publicado

em

Uns dizem que foi na escolha do nome do candidato a prefeito para sucessão do prefeito Firmino Filho, outros acham que foi o peso na ajuda de alguns candidatos a vereadores  em detrimento de outros. Tem erro apontado para todos  os lados. Então vejamos os pontos mais discutidos – Os tucanos perderam para eles mesmos e a falta  de comunicação com a população foi o ponto principal. Criou um “bicho” chamado Strans, administrado por um construtor, que não conseguiu fazer enxergar que boa parte dos  teresinenses criticam o órgão porque detestam regras. Depois veio o fechamento dos retornos na cidade que contrariou  boa parte da população que adora atalhos. Por último veio a pandemia, interrompendo a conclusão do sistema Inthegra, obrigando o fechamento total do comércio, fazendo o gestor adotar duras medidas para conter a covid-19. O certo mesmo é que Dr. Pessoa não ganhou a eleição, os tucanos perderam e a pandemia contribuiu com a derrota.

Senador Elmano faz no seu mandato, muito mais que W. Dias no governo

O senador Elmano Ferrer ( Progressistas), que foi tímido nos primeiros anos do seu mandato, agora trás grandes obras federais para o Piauí em um volume superior ao governador W. Dias como senador e governador nos governos do PT. Elmano foi decisivo no alargamento da 135 na região dos cerrados, é o destinador de verbas para conclusão de pontes federais e estradas do extremo sul do Piauí. O senador se consagra agora levando a duplicação da BR 316 até Demerval Lobão, enquanto o governo continua encalhado com 13 km estadualizado da mesma BR. Sem se falar no elevado do Mercado do Peixe e nas obras arquitetônicas que serão feitas ao longo da BR 343 na região urbana da capital. Tomara que o senador tenha o seu trabalho reconhecido pelo povo!

Dos que o povo elegeu para a oposição, poucos permanecerão

Se vc olhar para os vereadores de Teresina eleitos, e querer aferir quem permanecerá na oposição, vai precisar de lupas. No PSDB, o vereador Paulo Lopes e Edson Melo são os que aguentam ficar na oposição. Gustavo Carvalho e Venâncio não chegam nas águas de março para estarem com Dr. Pessoa dizendo apoiar o governo em favor de Teresina. No Progressistas, podem esperar o vereador Aluísio na trincheira da oposição. Já Neto do Angelim e Valdemir Higino, devem aderir a situação mesmo antes da posse. No PDT os vereadores, Fernando Hidd e Alan Brandão, ligado aos B Sá, devem ficar na oposição. No PSL, esqueçam oposição. Se Luiz André e Teresinha Medeiros não forem convidados a fazer parte do governo, eles mesmo se convidarão. As outras siglas que diziam estar com Montezuma, na verdade, nunca estiveram.

Justiça bloqueia meio milhão de reais das contas do Dep. Francisco Costa

Imagem: Alepi

A Juíza Rita de Cássia da Vara Única da Comarca de Urucui atendeu o pedido do Ministério Público e bloqueou ontem (01) os bens e o valor de meio milhão de reais das contas do Deputado e ex-secretário estadual de Saúde no governo do PT, Dr. Francisco Costa (PT). O parlamentar que hoje, tem um patrimônio de causar inveja, teria claramente cometido desvio de finalidade e improbidade administrativa junto com Jonathas Willames, dono da ONG ligada ao esporte e cultura, que fechou convênio para cuidar da érea da saúde da região sul do estado. A Justiça entende que claramente, houve prática de crimes com o dinheiro público.

Lista de secretariado é uma incógnita, mas a coluna aposta nos nomes;

*João Henrique ( Secretário de governo)
*Adolfo Nunes
(Chefe de Gabinete)
*Santilha Sampaio, irmã do Deputado Themistocles
(Secretária de Educação)
*Jeferson Campelo
(Fundação Municipal de Saúde)
*Alípio Campos  (indicação Jeová Alencar)
Semcaspi
*Indicação do partido Solidariedade
(Fundação Monsenhor Chaves)
*James Guerra
(Fundação Wall Ferraz)
*Coronel Nixson
(Secretaria de Segurança pública)
*Admilson Lustosa
(Secretária de Finanças)
*Alano Dourado
( Secretaria de Planejamento)
* Indicação PTB
(Secretaria de Desenvolvimento Econômico)
* Indicação do PSD
(Secretaria da Juventude)
*Indicação Fábio Abreu
(Secretaria de Esporte e Lazer)
*Indicação PSC e Gessy Fonseca
(Secretaria de Economia Solidária)
*Elizabeth Sá
(Secretária de Comunicação ) 

Essas são as principais secretárias e os mais cotados. Ainda há  muitas empresas e espaços da cota pessoal do prefeito eleito e de acomodação política.

Continue Lendo

Silas Freire

Gessy é acusada de ter recebido dinheiro para apoiar Dr. Pessoa no 2º turno

Silas Freire

Publicado

em

Domingo à noite, durante a comemoração da vitória do prefeito eleito, Dr. Pessoa (MDB) , o comentário entre os políticos era que, a candidata a prefeita, Gessy Fonseca (PSC), só teria aceito apoiar o candidato MDBista com um apoio financeiro e o compromisso de indicar alguns cargos no governo. Diziam nos murmurinhos, que o advogado Valter Alencar, idealizador político e padrinho de Gessy,  foi o grande articulador da “guloseima” eleitoral da moça. Diante dos comentários negativos, Gessy usou as redes social e fez um desabafo dizendo não ter recebido nenhum tostão de ninguém. Será que venderam a moça ou ela começou na política mais sabida que todo mundo?

Começaram querer tornar Dr. Pessoa a rainha da Inglaterra

É nítida a tentativa de isolamento do prefeito eleito Dr. Pessoa( MDB) na indicação dos nomes para equipe de transição. Mas o homem, bateu o pé e indicou , Pessoinha seu filho, e seu amigo fiel, Adolfo Nunes. Agora é esperar pra ver!

Os rumos de 2022 , só a gestão do  prefeito Dr. Pessoa dirá!

A eleição  de 2022 , passará pela administração do prefeito eleito Dr. Pessoa (MDB). Seu modelo de gestão pode ser vitrine ou não para o companheiro de partido e presidente da sigla, senador Marcelo Castro. Castro é um nome bem quisto pelo governador W. Dias , que tem um coração petista pulsando por Rafael Fonteles, já empolgado para se filiar ao PL de Fábio Xavier, que tem a sigla alugada para o gestor estadual. Assim, Fontelles ultrapassaria o antipetismo que foi muito forte nas eleições municipais do último domingo .

Os vices, nada somaram!

Com a exceção da Pastora, Diana Carvalho (Republicanos), provavelmente a grande responsável  por boa parte da pequena votação do candidato a prefeito, Fábio Abreu, nenhum outro candidato a vice somou ao cabeça de chapa. A vice de Major Diego,  ninguém decorou  nem o nome. A mesma coisa aconteceu com os vices de Gessy e Fábio Novo. O boa gente, R. Silva, vice de Klebão, não participou ativamente da campanha, embora o partido dele tenha elegido três vereadores. Robert Rios, que sempre quis ser o centro das atenções, só apareceu no final quando a eleição já estava consolidada, e ainda assim, quando o delegado dizia alguma coisa, era um Deus nos acuda para a equipe de comunicação da campanha resolver, por ter como estratégia, nenhuma demonstração de raiva  na campanha do Dr. Pessoa.

Derrocada do PT

Foto: Sérgio Lima/PODER 360

O segundo turno das eleições 2020 se encerrou com um gosto amargo para o Partido dos Trabalhadores (PT). O partido foi o que mais levou candidatos à segunda rodada da disputa, com nomes em 15 das 57 cidades onde houve segundo turno. Mas terminou as eleições de 2020 sem comandar nenhuma capital de Estado, o que demostra que a era Lula está se findando.

Rodrigo Maia X Arthur Lira

O governo Jair Bolsonaro está apostando na implosão do bloco de oito partidos (DEM, PSDB, MDB, Cidadania, PT, PCdoB, PDT e PSB) que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, articula para a sucessão da presidência da Câmara. Por outro lado, o senador piauiense, Ciro Nogueira, já emplacou o líder do Progressistas na Câmara, Arthur Lira, como candidato preferido do governo pelo Palácio do Planalto.

Continue Lendo

Silas Freire

Dr. Pessoa já fala em transição e a criação de 1 mil cargos de confiança na PMT

Silas Freire

Publicado

em

No comitê de campanha do Dr. Pessoa (MDB), ninguém fala mais em eleição, e sim na transição do governo sem a participação do Dr. do Povo que fará uma viajem para descansar. Tudo ficará a cargo do coordenador, João Henrique Sousa, do deputado João Madison e  do vereador Jeová Alencar. Certo também, é um levantamento para criação de 1 mil novos cargos comissionados  para acolher os muitos aliados de campanha, inclusive os que chegaram no segundo turno.

O que tem essas urnas eleitorais?

Em Água Branca, Margarethe do Zito, segunda colocada nas eleições para  prefeito da cidade, teve seu pedido de recontagem de votos negado pela Justiça Eleitoral. O estranho, é que a justiça esta negando pedidos  em todo o Brasil. O que será que tem por trás dessas caixas-pretas do sistema eleitoral?

Jeová Alencar pode não assumir o mandato de vereador de Teresina

O vereador e presidente da Câmara Municipal  de Teresina, Jeová Alencar (MDB), é uma prova inequívoca de compras de votos. A Policia Federal desencadeou ontem (27) uma Operação que tornará ainda mais robusta as provas da compra de mais de 6 mil votos dos 11 mil conquistados  pelo vereador. Segundo uma fonte da coluna, as provas encontradas com líderes  ligados ao presidente da Câmara, confirmam que houve corrupção Eleitoral. Jeova pagou 100 reais por voto das famílias carentes, e a PF e o MP estaria de posse de uma contabilidade e identidade de eleitores de um valor em torno de R$ 500 mil reais, podendo ultrapassar esse valor. O que significa dizer que a boca esquentou?

Segurança Pública é a maior preocupação do Teresinense 

Todas as pesquisas de opinião em Teresina, apontam a Segurança Pública como a maior preocupação do Teresinenses. Os mais chegados do prefeito Dr. Pessoa, que já é tido como eleito, recomendam que não repitam as mesmas caras que não deram certo no aparelho de segurança estadual. Tais como; delegada Anamelka, James Guerra e Major Elizete, nomes carimbados que não colaboraram para diminuir o medo da insegurança .

Ciro X W. Dias: o que vai dar de prefeito filando…

No meio político, as apostas agora é que o Piauí terá  dois governos a partir de janeiro 2022. O Governo de Welington Dias, que espera botar à mão nos empréstimos para correr pro interior, e o senador Ciro Nogueira, que também fará “chover” obras do governo federal no estado. Tomara que nessa guerra os municípios acabem ganhando por que se não, vai parar nas mãos de empreiteiros e prefeitos.


Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat