Siga as Redes Sociais

Silas Freire

Urgência na Previdência do PI é para que empréstimos entrem antes das eleições

Publicado

em

Foto: Divulgação/Alepi

Em meio a protestos de servidores, a Assembleia Legislativa do Piauí acatou o pedido do governador, Wellington Dias, para aprovar a tramitação da reforma da Previdência estadual em regime de urgência. O projeto interfere diretamente na situação de 90 mil servidores do estado, na ativa e aposentados, que ainda tentaram, em uma reunião realizada ontem na Alepi, convencer os parlamentares a repensarem a ação. O coro desses representantes contou também com a participação dos deputados opositores, que contestam a medida e afirmam ser impossível analisar um projeto como esse em tão pouco tempo, já que com o pedido de urgência, a matéria pode ser votada em plenário na segunda (09). Mas para o governo isso é extremamente importante, pois há dinheiro em risco. Isso porquê, a autorização das operações de crédito (empréstimos) solicitadas pelo governo, só entrarão após aprovação da reforma. A justificativa é que o dinheiro desses empréstimos irão ajudar a sanar o desequilíbrio financeiro do estado. Mas todo mundo sabe que com as eleições municipais chegando, vai chover de ‘obras de infraestrutura’ nos municípios. Porque poder, ninguém quer perder, mas o servidor pode perder o pouco que tem. Eita governo complicado.

Sem deconto, piauienses pagam caro pela energia

A redução de 7,45% na tarifa de energia elétrica, que estava em vigor desde o dia 02 de dezembro, foi suspensa no Piauí após um impasse entre a Cepisa Equatorial e a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Uma decisão judicial suspendeu a redução e congelou a tarifa de energia dos consumidores piauienses, até que a Aneel faça uma revisão tarifária extraordinária, prevista no contrato de leilão. De acordo com a Cepisa, se esse reajuste não for permitido, o prejuízo será de R$ 300 milhões em 2020. Enquanto isso, o piauiense continua pagando caro por um serviço deixa, e muito, a desejar. Ôh dó!

PSC lança Vater Alencar como pré-candidato a prefeito de Teresina

Foto: Reprodução/Facebook

Ontem, Teresina ganhou mais um pré-candidato para disputa à prefeitura municipal. O PSC lançou o advogado Valter Alencar, para pleitear o cargo. Valter também foi candidato ao governo do Estado em 2018, mas não conseguiu uma votação expressiva, obtendo apenas 11.015 votos. E, provavelmente, por saber que não fará tanta diferença na disputa já adiantou que não é intenção do PSC assumir um tom de crítica à gestão de Firmino Filho e nem entrar em embates, ou seja, o verdadeiro exemplo do ‘tanto faz’.

Seca: Governo Federal reconhece emergência em Patos-PI

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) reconheceu, situação de emergência em sete municípios, entre eles está Patos do Piauí, que enfrenta sérios problemas relacionados à seca. Com a medida, as cidades poderão ter acesso a recursos federais para ações de socorro, assistência e restabelecimento de serviços essenciais. Além de Patos também foi reconhecida emergência em Itapagé-CE e Santa Teresa-ES; por estiagem, Parambu-CE, por seca; São Mateus-ES, por conta do derramamento de produtos químicos em ambiente lacustre, fluvial e marinho; Itabirito-MG por alagamentos e Lagoa Vermelha-RS, por vendavais. O apoio emergencial por meio da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec), do MDR, é complementar à atuação dos governos estaduais e municipais.

Proposta que altera Código de Trânsito Brasileiro será votada próxima semana, diz Bolsonaro

Foto: Reprodução

Após conversa com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), Bolsonaro afirmou que ficou acordado que na próxima semana será votado na Casa Legislativa o projeto de lei que dobra o limite de pontos em infrações na Carteira Nacional de Habilitação, de 20 para 40, e aumenta a validade do documento para 10 anos. A proposta que altera o Código de Trânsito Brasileiro foi enviada ao Congresso em 4 de junho. Ela tramita em comissão especial em caráter conclusivo, ou seja, se for aprovada por este colegiado seguirá para o Senado, sem precisar passar pelo plenário da Câmara.

STF terá ‘refeições especiais’ com direito a vinho e lagosta

O Tribunal de Contas da União (TCU) avalizou uma licitação do Supremo Tribunal Federal (STF) concluída em maio que prevê refeições com medalhões de lagostas, vinhos e espumantes premiados. A análise do caso pelo TCU foi motivada por uma representação do Ministério Público, que justificou que o cardápio contempla gêneros que contrastam com a condição geral da população brasileira. Conforme o texto do pregão previa, quando houver “refeições institucionais” do STF serão servidos de entrada, por exemplo, queijo de cabra, figos, carpaccio, ceviche, medalhões de lagosta e risoto; no prato principal, medalhões de lagosta, carré de cordeiro, arroz de pato; e na sobremesa, musses e sorvetes. O texto também especificava que os vinhos deveriam ser de safra igual ou posterior a 2010. Ao TCU, o Supremo argumentou que o cardápio não será servido “para todo e qualquer evento do STF”, mas, sim, naqueles em que estiverem presentes ao menos 100 pessoas e duas “altas autoridades”. Enquanto isso, os pobres brasileiros tem que se contentar apenas com o arroz e o feijão e, em muitos casos, nem essa mistura tem para colocar na mesa. É revoltante!

Silas Freire

Ciro: Desenvolvimento Regional ou poderosa e complicada Casa Civil?

Publicado

em

Assista aos destaques da Coluna do Silas nesta terça-feira (27/07).

Continue Lendo

Silas Freire

Ciro terá tête-à-tête com Bolsonaro para tratar sobre Casa Civil

E mais:
Florentino abandona saúde e cumpre agenda política.

Publicado

em

Foto: Divulgação

Assista o que é destaque na Coluna do Silas nesta segunda-feira (26/07).

Continue Lendo

Silas Freire

Poderoso, Ciro quer tirar Wilson Martins e Júlio César do Governo

Publicado

em

Nesta sexta-feira (23/07), o jornalista Silas Freire fala sobre o que é destaque na política piauiense e comenta fatos relevantes para a sociedade.

Assista:

Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat