Siga as Redes Sociais

Silas Freire

Wellington e Firmino vão começar a discordar

Silas Freire

Publicado

em

O Governo do Estado apresentou uma minuta com regras para abertura gradual da economia, que prevê o retorno de vários setores do comércio, apontando cuidados a serem tomados por empregadores com funcionários e público. Com a medida é provável que esse retorno comece a ser ensaiado já no mês de junho. Por outro lado, a Prefeitura da capital trabalha com metas e essas metas precisam ser atingidas para então ser realizada a abertura de uma proposta para a retomada, do que é chamado pelo comitê como ‘novo normal’. Pontos como queda no contágio, redução da taxa de mortalidade, aumento do distanciamento monitorado e as instalações dos novos leitos de UTis serão levados em consideração. Em resumo, as propostas ainda não convergem entre si. Pelo visto, teremos uma divergência nos pensamento dos dois maiores gestores do estado, que estão unidos desde do início da pandemia. Esperamos que não politizem a questão, como não foi feito até agora.

Firmino recua do rodízio de veículos

A proposta do rodízio de veículos em Teresina era para combater as aglomerações na região central, local hoje de maior contaminação de pessoas pelo covid-19. Mas a medida esbarrou nos serviços essenciais, principalmente de saúde. As reclamações e recomendações da área são de que a ação prejudicaria a estrutura e os atendimentos hospitalares. Uma coisa é certa, o Centro funciona a meia boca grande e foge completamente do isolamento.

Bolsonaro “amarelou” com as torcidas nas ruas

O presidente Jair Bolsonaro depois de dizer em alto bom som: “acabou p…”, confiado em uma sequência de manifestações a favor do seu governo nas ruas do Brasil, parece ter “amarelado” quando viu torcedores rivais históricos, irem às ruas em resposta a seus atos um tanto quanto antidemocráticos. Após isso, Bolsonaro foi aconselhado a não insuflar os atos. Mais tarde, o movimento fora Bolsonaro poderia se tornar mais agressivo e maior do que os pró-governo, o que seria o estopim para sua queda. Ontem , o presidente foi mais moderado em sua fala enfatizando que está na hora de suspender o movimento para não se tornar cansativo. Parece que as manifestações envolvendo torcidas não era de esquerda. Representantes narraram em seus depoimentos que não aceitariam Lula nem PT, por ter cheiro de corrupção, e se eles se aproximassem o movimento pararia. Mas é claro, que lideranças de esquerda fomentaram seus movimentos. O problema é que cada vez mais o país vem enxergando que PT e Lula nunca mais.

Prefeitura de União ajuda na contaminação do coronavírus e ainda não paga agentes

Os profissionais de saúde da cidade de União estão denunciando a falta de condições de trabalho, principalmente de Equipamentos de Proteção Individual. Um vídeo de uma agente comunitária de saúde do município chegou a viralizar depois da profissional ter dito ser contaminada na linha de frente ao combate à pandemia e ainda ter levado o vírus para toda sua família, que tem, inclusive, pacientes de risco. A moça visivelmente emocionada, diz ter feito trabalhos extras para Prefeitura de União em barreiras sanitárias e, até agora, o prefeito não pagou as diárias. É de lascar!

Mesadeiros da direita e forasteiros da vida pública levam comerciantes perder a razão

Incentivados por forasteiros da política e pelos mesadeiros da direita, já existentes no Piauí, alguns fomentadores da economia de Teresina já em colapso foram ontem fazer não só um protesto na frente da casa do prefeito de Teresina Firmino Filho, mas também, insultar sua esposa, filhos e vizinhos. Ali existiam sim pequenos comerciantes, irritados com o efeito colateral da pandemia ocasionado pelo isolamento social, mas ali também haviam aproveitadores, forasteiros políticos e mensaleiros da direita, que já deixaram seus empregos para viverem de ricas mesadas pagas por empresários ligados ao liberalismo sem limites. Firmino desabafou que em 30 anos de vida pública nunca tinha sido tão ofendido. Os atos duros do gestor já salvaram pelo menos 500 vidas da covid-19 e muitas delas, poderiam está no protesto ou em casa esperando os protestantes e ofensores.

Prefeito de Lagoinha do Piauí é condenado pela Justiça a 9 anos de prisão

O prefeito da cidade de Lagoinha Piauí, Alcione Barbosa Viana, foi condenado pela Justiça Federal a nove anos de prisão por desvio de recursos federais, referente a repasses feitos à Prefeitura da cidade pelos Ministérios da Saúde e da Educação no período de 01 de janeiro de 2008 a 31 de dezembro de 2011, no valor de R$ 608.738,40. O MPF narra que os processos licitatórios da cidade de Lagoinha do Piauí eram montados criminosamente na cidade de Teresina, sem a participação real de qualquer comissão de licitação. O órgão ministerial cita que as investigações apontaram a apropriação de verbas do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb). A denúncia relata ainda que a Prefeitura de Lagoinha teria contratado o fornecimento de 60% do combustível de um posto de gasolina, que seria do próprio prefeito e estava no nome de beneficiários de programas sociais, com renda declarada de R$ 400,00. Segundo a sentença, o gestor deve cumprir a pena inicialmente em regime fechado.

Brasil ultrapassa 500 mil casos de Covid-19

Foto — Sérgio Lima/Poder360

O Brasil registrou 12.247 novos casos de covid-19 em 24 horas. As informações foram divulgadas pelo Ministério da Saúde nesta nessa segunda-feira (1º). Houve uma queda nominal de 4.162 casos em relação aos 16.409 do dia anterior. O número de mortes notificadas nas últimas 24 horas foi de 623. Dessa forma, o total de casos notificados foi a 526.447 e o número de mortes chegou a 29.937.

Silas Freire

Ala militar e cultural lembra nome de Hugo Napoleão para MEC, mas o problema é Ciro

Silas Freire

Publicado

em

O ex-governador Hugo Napoleão foi cotado nas últimas 48 horas para assumir a pasta do MEC. O nome de Hugo, teria sido lembrado pela ala intelectual do núcleo militar, onde ele transita muito bem. Seria a “ressurreição” política de Hugo Napoleão, que já foi tudo no estado, e hoje goza do carinho do presidente Bolsonaro. Mas, a evolução do nome de Hugo ganhou uma fumaça, pois não interessa ao dono do Progressistas e coordenador do Centrão, Ciro Nogueira, alimentar a “ressurreição” de lideranças no estado do Piauí. O recado teria sido dado por ninguém menos que pelo deputado Arthur Lira, o próximo presidente da Câmara Federal, que tem muito da atenção do presidente Bolsonaro. A coluna pode até está jogando a caça fora, mas se depender do Ciro, Napoleão será no máximo,o Ministro da Eucaristia.

Pastor Levino: “Chance de aliança com Abreu é zero”

Diante da indisposição deste colunista (Silas Freire) em disputar a eleição, mediante ao caos causado pela pandemia do coronavírus, começou a circular na imprensa rumores de que o partido Republicanos seguiria para uma aliança com o Liberal, de Fábio Abreu. Entretanto, o vereador Levino de Jesus, presidente municipal da sigla, declarou ontem que, no caso de não ter candidatura própria do partido, a aliança preferencial é com no professor Kléber Motezuma e, até então, nunca foi tratado nada com Fábio Abreu.

João Henrique não aguenta 10 dias de Dr. Pessoa

Foto: Divulgação

O MDB, para dar credibilidade à candidatura a prefeito de Teresina de Dr. Pessoa, nomeou esta semana como coordenador de campanha o ex-ministro João Henrique, o sonho de qualquer candidato como coordenador. João Maguin não conhece um terço das grosserias e ar de estrelismo de Pessoa, depois da convenção. Se ele quiser um toque, é bom ouvir o deputado Júlio César, pode ouvir também o Evaldo Gomes, ou mesmo, chamar o Frank Aguiar. Dizem que Maguin não aguentará uma semana o Dr. do Povo. João Henrique chegou providencialmente, pois Marcelo Castro haje como “fogo de monturo” para desarticular Pessoa em favor de JVC e, de quebra, tem a força do maquiavélico, vereador Jeová Alencar.

WD tem que ficar de olho naquela ‘chuva’ de qualificação na Educação

O Governador W. Dias precisa ficar atento depois da sua vitória pessoal pela conquista judicial no STF, pelos R$ 1 bilhão e 600 milhões de reais do Fundeb. A coluna tomou conhecimento de que tem gente querendo meter a mão nessa grana com pretexto de treinamento e qualificação. A Secretaria de Educação não apresentou nenhum projeto mais audacioso para o investimento desses recursos. Mas, uma turma das bandas das Alagoas e São Paulo estariam tocando a música da sereia para os gestores da da Educação piauiense. Já tem licitação em andamento, na modalidade treinamento e qualificação, que é sem dúvida importante, mas é muito pouco para o esforço do governo que recuperou essa grana. Tem que ficar de olho em uns sabidos que se encostaram na educação do estado.

Tucanos se alegram com adiamento das eleições

Foto: Divulgação/Semec

Integrantes do PSDB ficaram eufóricos com a aprovação da PEC que trata sobre o adiamento das eleições, pois, segundo o que colocaram o fato irá beneficiar Kléber Montezuma. Eles explicam que no cenário atual, o professor Kléber é, atualmente o cândida menos conhecido e, os novos prazos darão a possibilidade para que a sigla o apresente à população teresinense de forma mais ampla. Mas, para o crescimento de Montezuma, os aliados afirmam ser fundamental um engajamento mais direto do prefeito Firmino Filho.

MP íntima Flávio Bolsonaro e esposa a prestarem depoimento

senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) e sua esposa, Fernanda Antunes Bolsonaro, foram intimados pelo Ministério Público do Rio de Janeiro a prestar depoimento sobre o suposto esquema de “rachadinhas” no antigo gabinete de Flávio como deputado estadual. A intimação partiu do Grupo de Atuação Especializada no Combate à Corrupção (Gaecc), que era o responsável pela investigação sobre supostos crimes de peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa cometidos de 2007 a 2018 no antigo gabinete do filho mais velho do presidente na Alerj. A Promotoria quer ouvir o casal já na semana que vem: Fernanda na segunda-feira (6) e Flávio na segunda ou terça-feira (7), conforme disponibilidade do senador.

Bolsonaro pode vetar trechos do PL das Fake News

Foto: Reuters

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (2) que vai vetar pontos do Projeto de Lei (PL) 2.630/2020, conhecido como PL das Fake News, se a versão aprovada pelo Senado for mantida. O texto cria a Lei Brasileira de Liberdade, Responsabilidade e Transparência na Internet, com normas para as redes sociais e serviços de mensagem como WhatsApp e Telegram. Aprovado esta semana no Senado por 44 votos favoráveis e 32 contrários, o projeto agora tramitará na Câmara dos Deputados. Caso seja alterado pelos deputados, o texto retorna ao Senado, a quem caberá a aprovação da versão final.  Se não for alterado, segue para sanção presidencial, quando o presidente pode sancionar a lei ou vetá-la parcialmente ou na íntegra. Segundo o presidente, ele fará uma consulta popular na internet para saber que pontos podem ser vetados do PL. 

Continue Lendo

Silas Freire

Bolsonaro de olho nos “ratos”

Silas Freire

Publicado

em

O Presidente Bolsonaro teria chamado o clã militar do governo para montar uma espécie de cinturão de ferro para marcar de perto os meninos do Centrão no governo. Segundo uma fonte, o presidente deu ordens para “ficar de olho” no Progressistas, Liberais além dos Republicanos e a ordem é expor à opinião pública qualquer ato de corrupção envolvendo essa turma no seu governo, para não lhe contaminar. ‘Jogaremos aos bicos aqueles que mexerem na grana do povo’, teria dito bem a seu estilo, o presidente Bolsonaro.

Deputado Evaldo Gomes lança pré-candidatura da filha a vereadora em Teresina

O deputado Evaldo Gomes (SDD) confirmou a pré-candidatura da filha, a advogada Fernanda Gomes, a vereadora de Teresina. O deputado, já havia dado sinais de que a herdeira entraria no páreo, mas agora, deixou explícito que o investimento será pesado. A campanha da jovem contará com a coordenação do ex-deputado Henrique Rebelo, ex-vereador Edvan Silva, e do presidente do diretório municipal do Solidariedade, Scheyvan Lima. 

Moraes prorroga inquérito das fake news por mais 6 meses

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes decidiu nesta quarta-feira (1º) prorrogar por mais seis meses o inquérito das fake news. A investigação deveria se encerrar em 15 de julho. O processo, que apura a disseminação de conteúdo falso na internet e ameaças a magistrados, foi aberto de ofício (iniciativa própria) pelo atual presidente, ministro Dias Toffoli. A decisão unilateral gerou questionamentos, já que na maior parte das vezes o Judiciário só age quando provocado por alguém competente ou pela PGR (Procuradoria Geral da República). O plenário, entretanto, validou o inquérito. A ação foi a principal diligência até agora dentro do inquérito.

Congresso adia eleições municipais de outubro para novembro

A Câmara dos Deputados aprovou ontem (1º) em dois turnos a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) que adia as eleições municipais de outubro para novembro deste ano e muda outros prazos em tentativa de adaptar a disputa à pandemia do novo coronavírus. O texto segue agora para promulgação em sessão do Congresso que deve ocorrer nesta quinta-feira (2), às 10h.

VOTAÇÃO EM PRIMEIRO TURNO: No primeiro turno, o texto-base foi aprovado por 402 votos a favor, recebeu 90 contrários e teve quatro abstenções. Para passar, precisava do voto favorável de três quintos dos 513 deputados da Casa (308 votos). Os deputados retiraram dois trechos do texto-base.

VOTAÇÃO EM SEGUNDO TURNO: A proposta foi aprovada por 407 votos a favor e 70 contrários –também precisava do aval de três quintos dos deputados.

O QUE FICA DEFINIDO: A PEC adia o primeiro turno das eleições municipais de 4 de outubro para 15 de novembro. O segundo turno, onde houver, passaria de 25 de outubro para 29 de novembro. Pela proposta aprovada, as emissoras ficam proibidas de transmitir programa apresentado ou comentado por pré-candidato a partir de 11 de agosto -antes, o prazo começava a contar a partir de 30 de junho. A PEC também altera datas das realização de convenções partidárias para escolha dos candidatos e deliberações sobre coligações, o início da propaganda eleitoral e a prestação de contas de campanha dos candidatos. O texto também mexe no prazo para desincompatibilização ainda em vigor. Pelo calendário do TSE, o prazo máximo para afastamento de alguns cargos é de três meses antes da eleição -ou seja, 4 de julho.

PRAZOS: Segundo a PEC, prazos que ainda não venceram até a publicação da emenda constitucional vão considerar a nova data das eleições. Já os que passaram não serão reabertos. O texto permite ainda a realização, no segundo semestre do ano, de publicidade institucional de atos e campanhas dos órgãos públicos municipais e de suas respectivas entidades da administração indireta destinados ao enfrentamento da pandemia e à orientação da população sobre os serviços públicos. Mas indica que condutas abusivas serão apuradas.

PANDEMIA: No caso de estados, se não houver condições sanitárias, o Congresso determinaria nova data, após provocação do TSE. Os deputados fizeram uma emenda de redação para incluir nesse dispositivo a possibilidade de o Congresso, também após provocação do TSE, definir datas de eleições em municípios que não tiverem condições sanitárias.

Continue Lendo

Silas Freire

Piauí recebe precatório de mais de R$ 1 bilhão e 600 milhões

Redação Encarando

Publicado

em

Imagem Ilustrativa

Ontem o estado do Piauí recebeu $ 1 bilhão e 652 milhões referente ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef). O valor é referente a distorção do cálculo por aluno entre os anos de 1994 a 2006 e chega aos cofres do estado após uma ação na Justiça Federal de mais de 10 anos. E não só isso, ainda existe cerca de R$ 550 milhões para o estado receber. Segundo o governo do estado, o valor será destinado na execução de ações estruturantes e em programas de melhoria da educação.

Abreu faz mistério para revelar nome de vice

O deputado Fábio Abreu, disse à imprensa que já tem vice para sua chapa. O pré-candidato à Prefeitura de Teresina, deve está querendo sufocar as informações de que há um resistência por parte dos partidos, para indicar um ‘felizardo’ para concorrer ao seu lado. Entretanto, o deputado fez questão de que isso não é mais um problema e que seu vice será de um partido que faz parte da base aliada do prefeito Firmino.

Deputado aponta erro em retorno de atividades presenciais na Alepi

Foto: Divulgação/Alepi

Ontem, a Assembleia Legislativa do Piauí realizou sua primeira sessão presencial após o retorno das atividades. Mas teve deputado que não aprovou a ação do presidente da Casa. Um deles, Fábio Novo, que chegou a intitular o retorno como um ‘grande erro’. Segundo o parlamentar, ainda havia muito o que se fazer na Alepi. Como por exemplo, a finalização da testagem dos servidores e, também, fez um relato grave, de que outras pessoas, que não são funcionários autorizados, estariam circulando pela Assembleia. Se isso aconteceu na primeira sessão, imagina nas próximas. Custava esperar o fim dos decretos?

Mais 84 profissionais da saúde são convocados para reforçar o combate à covid-19 em Teresina

Mais 84 profissionais de saúde foram convocados ontem para reforçar a linha de frente de combate à Covid-19 em Teresina. Eles foram aprovados no processo seletivo Emergencial da Fundação Municipal de Saúde (FMS) para contratação temporária enquanto durar a pandemia. São 42 técnicos em enfermagem, sete técnicos em radiologia, quatro psicólogos, quatro assistentes sociais, seis técnicos em patologia clínica, dois nutricionistas, dois farmacêuticos, sete enfermeiros plantonistas, sete médicos plantonistas e três fisioterapeutas. Eles serão lotados no Hospital de Urgência de Teresina (HUT), Hospital do Buenos Aires e Hospital do Satélite, nos setores destinados ao tratamento de pessoas com síndromes gripais.

TSE decide manter ações contra a chapa Bolsonaro e Mourão

Foto: Evaristo Sá/AFP

Por 4 votos a 3, o plenário do TSE decidiu autorizar a aquisição de novas provas nas investigações contra a chapa Bolsonaro e Mourão, eleita no ano de 2018. Segundo os autores das representações, durante a campanha, o grupo virtual Mulheres Unidas contra Bolsonaro, que reunia mais de 2,7 milhões de pessoas, sofreu ataque de hackers que alteraram o conteúdo da página.O julgamento dos casos teve início em novembro de 2019. O relator, ministro Og Fernandes, votou pela rejeição das ações. O ministro Edson Fachin havia pedido vista, por isso, o julgamento foi interrompido. Os processos são de autoria dos candidatos derrotados no pleito de 2018 Marina Silva (Rede) e Guilherme Boulos (Psol). Alegam abuso eleitoral e pedem a cassação dos registros de candidatura, dos diplomas ou dos mandatos dos atuais chefes da República, além da declaração de inelegibilidade.

Bolsonaro convida Maia e Alcolumbre para viagem presidencial

O presidente Jair Bolsonaro fez novos gestos ao Congresso Nacional durante a cerimônia de prorrogação do auxílio emergencial, que aconteceu nessa terça-feira (30), no Palácio do Planalto. Na presença dos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), Bolsonaro falou que, juntos, eles podem fazer “muito mais pela nossa pátria”. O Presidente da República chegou a convidar Maia e Alcolumbre para uma viagem presidencial.

Firmino ‘rasga’ elogios a seu pré-candidato

Firmino Filho usou suas redes sociais onde estendeu elogios ao seu pré-candidato à PMT, professor Kléber Montezuma. Uma atitude um tanto quanto surpreendente só gestor, nesse momento, que sempre afirmou estar focado no combate ao coronavírus e, consequentemente, ter tentado evitar tratar publicamente sobre as eleições. Talvez, a atitude de Firmino tenha sido uma estratégia para alavancar o nome de Montezuma, pois as pesquisas encomendadas não o mostram em uma posição confortável.

Continue Lendo
Acqua Blu

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat