Siga as Redes Sociais

Piauí

MPF-PI cobra agilidade no processo de licitação da Adutora do Sertão

A Adutora é tida como uma alternativa para os problemas de abastecimento de água em mais de 50 municípios.

Publicado

em

O Ministério Público Federal do Piauí voltou a cobrar agilidade nas tratativas do processo licitatório referente à Adutora do Sertão, obra que deve resolver o problema de abastecimento de água, de pelo menos, 600 mil pessoas no estado.

O procurador da República Kelston Pinheiro Lages destacou a necessidade da realização de diligências e de procedimentos preliminares, como o Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA), a fim de acompanhar a ação civil pública na qual foi determinada à União Federal a adoção de todas as providências para a elaboração de projeto básico da adutora, com a finalidade de aproveitar o imenso potencial hídrico existente no semiárido piauiense.

“O projeto da Adutora do Sertão visa resolver, de forma definitiva, tal problema, que se arrasta há décadas. Reuniões como essa vêm sendo feitas nos últimos meses no MPF para simplificar e superar etapas técnicas do projeto com órgãos envolvidos a fim de que a licitação da obra possa ocorrer no tempo mais rápido possível, respeitando exigências legais”, declarou. 

O encontro aconteceu na sede do Ministério Público Federal (MPF) no Piauí com representantes da Secretaria de Estado da Defesa Civil, da Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM) e da Fundação Nacional de Saúde (Funasa).

Encaminhamentos

O representante da Funasa informou sobre o cumprimento integral dos termos da recomendação encaminhada pelo MPF. Já a Defesa Civil informou que estão realizando reuniões para analisar os custos dos testes de vazão, de perfilagem ótica, de limpeza e de bombeamento nos 37 poços, e que a previsão de conclusão do edital dependerá de novo parecer da Funasa. E, ainda, que irá solicitar à CPRM a identificação do técnico, autor dos estudos iniciais, que deram origem à proposta do Projeto da Adutora. Já o representante da CPRM explicou aos presentes que poderá emitir um parecer para convalidar os documentos elaborados pela Companhia, em substituição às ART´s e que encaminhará imediatamente à Defesa Civil o documento comprovando a autenticidade do estudo realizado por seu técnico.

Foi fixado o prazo de 45 dias, a contar da data da reunião, para o encaminhamento do termo de referência e da planilha ajustada, feitos pelo técnico da CPRM. 

Sobre a Adutora

A Adutora do Sertão é tida como uma alternativa viável e definitiva para os problemas de abastecimento de água em uma região compreendida entre mais de 50 municípios.

Entre eles estão Acauã, Alagoinha, Alegrete, Anísio de Abreu, Avelino Lopes, Belém, Betânia, Bonfim, Caldeirão Grande, Campo Alegre do Fidalgo, Campo Grande, Capitão Gervásio Oliveira, Caracol, Caridade, Conceição do Canindé, Coronel José Dias, Corrente, Cristalândia, Curimatá, Curral Novo, Dirceu Arcoverde, Dom Inocêncio, Fartura, Francisco Macedo, Francisco Santos, Fronteiras, Guaribas, Jacobina, Jaicós, Júlio Borges, Jurema, Lagoa do Barro, Marcolândia, Massapê, Monsenhor Hipólito, Morro Cabeça no Tempo, Padre Marcos, Parnaguá, Patos, Paulistana, Pio IX, Queimada Nova, São Braz, São Francisco de Assis, São Julião, São Lourenço, São Raimundo Nonato, Sebastião Barros, Simões, Várzea Branca e Vila Nova. 

Com informações do MPF-PI

Piauí

FMS realiza quatro dias seguidos de drive thru da segunda dose da vacina contra a Covid

Publicado

em

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) inicia neste domingo (25) e prossegue até a próxima quarta-feira (28), por quatro dias seguidos (25, 26, 27 e 28) drive thru de segunda dose da vacina contra a Covid-19. Neste domingo (25) é para quem recebeu a primeira dose dia 02/05 e estava com 63 anos ou mais. Serão 10 pontos de aplicação da vacina do laboratório Astrazeneca.

Na segunda-feira (26) é para quem recebeu a primeira dose dia 03/05 e estava com 62 anos ou mais. Na terça-feira (27) para os vacinados com primeira dose dia 04/05 e estavam com 61 anos ou mais e na quarta-feira (28) para quem recebeu a primeira dose dia 05/05 e estavam com 60 anos ou mais.

Para evitar aglomeração e congestionamento, a logística no drive deste domingo ( 25) será a mesma adotada nos drives anteriores: pela manhã (9h às 13h) serão priorizadas as mulheres, no turno da tarde (13h às 17h) o foco será nos homens.

Os locais serão os seguintes: 

– ADUFPI – Av. Universitária, 391 – Ininga

– Centro Universitário Santo Agostinho – zona Sul

– Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU – Norte) – Santa Maria da Codipi

– Teresina Shopping

– Terminal Parque Piauí

– Terminal Livramento

– Terminal Zoobotânico

– Terminal Itararé

– Terminal Buenos Aires

– Terminal Bela Vista

Os locais de drive thru dos dias 26, 27 e 28 são os seguintes:

– Universidade Estadual do Piauí (UESPI), Campus Pirajá

– ADUFPI – Av. Universitária, 391 – Ininga

– Centro Universitário Santo Agostinho – zona Sul

– Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU – Norte) – Santa Maria da Codipi

– Teresina Shopping

– Terminal Parque Piauí

– Terminal Livramento

– Terminal Zoobotânico

– Terminal Itararé

– Terminal Buenos Aires

– Terminal Bela Vista

A coordenadora da campanha de vacinação, Emanuelle Dias, informa sobre a documentação a ser apresentada. “No momento da vacinação, devem ser apresentados um documento de identificação com foto e data de nascimento, CPF ou Cartão Nacional do SUS, comprovante de endereço no município de Teresina e o cartão de vacina para comprovar a primeira dose e a data do agendamento dessa segunda dose”, diz a coordenadora.

O presidente da FMS, Gilberto Albuquerque, analisa que os dados de redução de óbito pela Covid em Teresina é um reflexo da vacinação e do atendimento médico. “A semana passada teve redução de 35% dos óbitos e 18% das internações por Covid-19 e avaliamos que a vacina tem sido o principal fator para essas reduções”, analisa.

Continue Lendo

Piauí

Alça da Ponte Juscelino Kubitschek é interditada para obras de drenagem

Publicado

em

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) interditou o tráfego na alça da Ponte Juscelino Kubitschek (JK), na descida que dá acesso a avenida Raul Lopes, na zona Leste da cidade. A interdição iniciou neste sábado (24), e a previsão é que as obras sejam concluídas em até 10 dias.

Os serviços fazem parte das obras de drenagem do canto da galeria, para fazer o escoamento da água para ser jogada no ponto de preservação ambiental e nas margens do rio, por conta de alagamento que está ocorrendo no trecho.

A Strans está dando apoio na organização do fluxo de veículos no trecho interditado que compete ao município, na descida da alça da ponte JK que dá acesso a avenida Raul Lopes. Os agentes estarão no local para orientar os condutores.

Por conta da interdição do tráfego no local, haverá desvio de rota das linhas de ônibus que circulam no trecho.

As obras estão sendo executadas pela Superintendência das Ações Descentralizadas Leste (SAAD-Leste), através empresa E.D. Gestão Ambiental responsável pelo serviço.

Continue Lendo

Piauí

Após 33 dias internada, idosa vence a Covid-19 no Hospital Justino Luz

Publicado

em

Após 33 dias de internação e uma batalha travada para vencer o novo coronavírus, a aposentada Maria Bernadete Fernandes de Sá, de 67 anos, recebeu alta hospitalar nesta  sexta-feira (23). A equipe de saúde do Hospital Regional Justino Luz, em Picos, comemorou a vitória. Do lado de fora, os familiares esperavam ansiosos e emocionados pela paciente.

A história de dona Bernadete inclui uma luta árdua para vencer a doença. Idosa e com algumas comorbidades, no período que ficou no hospital, 31 deles foram na Unidade de Terapia Intensa (UTI),  sendo 11 dias intubada. Para continuar o tratamento foi necessária uma intervenção cirúrgica para fazer a traqueotomia,  que consiste na abertura de um orifício na traquéia e na colocação de uma cânula para a passagem de ar.

A intervenção foi realizada com êxito e dona Bernadete passou mais 10 dias com traqueostomia, 19 dias fazendo hemodiálise e mais 10 dias se recuperando da traqueostomia. Pulmões e rins comprometidos e uma traqueostomia não tiraram dela a chance de rever aqueles que a amam.

Rossana,  filha da aposentada, conta que foram dias difíceis, mas a fé em Deus, as orações de amigos e familiares eram o que confortavam. Ela considera a recuperação de sua mãe um milagre. “Conseguimos aproximar muitas pessoas de Jesus orando por ela”, relata Rossana.

A filha  agradeceu ainda a toda equipe envolvida e todos que fazem o Hospital Regional Justino Luz. “O HRJL foi instrumento de Deus na cura da minha mãe, muito obrigado a todos”, disse.

Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat