Siga as Redes Sociais

Teresina

Jovem de 17 anos será prefeita de Teresina por um dia

A estudante Auricélia, de 17 anos, assumirá simbolicamente a prefeitura, nessa quarta-feira.

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Ascom/SMPM

A estudante Auricélia, de 17 anos, assumirá simbolicamente, nessa quarta-feira (23), a função de prefeita de Teresina por um dia. Acompanhada do prefeito Firmino Filho, ela começa o dia participando da abertura da audiência pública sobre o Plano de Ordenamento Territorial de Teresina. O evento acontece no Centro de Formação Odilon Nunes, localizado na Rua Magalhães Filho, 1722, Marquês.

Filha de um pedreiro e mãe desempregada, a estudante da 2ª série do ensino médio afirma que ser prefeita por um dia vai ser uma excelente oportunidade para sugerir projetos e mostrar demandas que atendam especificamente ao público jovem feminino. “Sempre tive interesse em batalhar por mais espaços e pelos direitos das meninas. Orientada por minha mãe, tenho esse desejo de aprender mais sobre os nossos direitos, e ajudar também aquelas que não têm a mesma oportunidade que eu estou tendo agora, tanto de participar do projeto, quanto de ocupar por um dia um cargo tão importante”, ressalta.

Neste ano, 22 meninas com idades que variam entre 13 e 19 anos estão ocupando lugares de destaque como os de gestoras de secretarias do município, mídias (tv, rádio e digital influencer), gestores estaduais, além de funções como o de vereadora e deputada estadual. A ideia da ocupação de cargos faz parte da Campanha Meninas Ocupam, criada em 2016, pela ONG Plan International, e executada em Teresina em parceria com a Secretaria Municipal de Políticas Públicas Para Mulheres (SMPM).

“O objetivo da ação é despertar a atenção para os direitos das meninas, proporcionando que elas conheçam o seu potencial, saibam de seus direitos e que contribuam para a diminuição da discriminação de gênero”, explica a secretária Macilane Gomes.

Atualmente, o movimento de ocupação de cargos se espalha por 72 países. No Brasil, a Plan funciona em Teresina, São Paulo, Bahia e no Maranhão.

Fonte: Semcom/PMT

Teresina

Coronavírus: Taxa de contágio cai e Teresina sai do pico da doença

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Divulgação

A taxa de contágio da Covid-19 em Teresina caiu esta semana e está em 0,72. O dado foi revelado pela 12ª etapa da pesquisa sorológica realizada pela Prefeitura de Teresina nos dias 03 e 05 de julho na capital. A sondagem atestou também que o número de casos positivados para a doença diminuiu 6% em relação a etapa anterior: foram 156.623 confirmados, contra 167.175 casos na semana anterior. Os dados evidenciam que Teresina já saiu do momento de pico de transmissão do novo Coronavírus.

Outro dado positivo nesta etapa diz respeito à quantidade de pessoas na fase ativa e que pode transmitir a Covid-19. A pesquisa mostrou que 29.897 estão infectantes, número 28% menor que o apresentado na sondagem anterior, que foi de 37.448. A pesquisa aponta também que 57.685 estão imunes à doença e 72.041 pessoas estão na fase intermediária da infecção, ou seja, estão imunizadas ou desenvolvendo a imunidade.

“Esta etapa da pesquisa nos mostrou três evidências de que já saímos do momento de pico da Covid-19 em Teresina. Diminuímos o número de casos positivados para a doença, a quantidade de pessoas imunes à doença aumentou e, o mais importante, diminuímos a taxa de transmissibilidade da doença, com o R0 abaixo de 1. Portanto, podemos afirmar que já estamos em um momento de estabilidade da doença na nossa cidade, realidade bastante positiva desde que começamos a realizar a investigação sorológica da doença em Teresina”, afirmou o prefeito Firmino Filho.

Para ele, a pesquisa dessa semana mostra que Teresina avançou bem, mas que a situação ainda não é tranquila. “Para garantir que a gente saia rápido desse platô, temos que fortalecer o isolamento para que evolução da queda desses índices seja ainda maior. O interesse coletivo tem que ser colocado acima dos interesses individuais. O poder público de forma responsável coloca em primeiro lugar a vida dos teresinenses. Salvar vidas é o nosso maior compromisso, mas a população precisa colaborar também nessa missão para que a gente possa sair mais rápido desse momento”, enfatizou Firmino.

A pesquisa revela ainda que a quantidade de positivados é 21 vezes maior que os 7.466 casos confirmados oficialmente pelo Centro de Operações de Emergência da Fundação Municipal de Saúde (FMS) no domingo anterior à pesquisa.

Sobre a amostra da distribuição do vírus por toda a cidade, a pesquisa, que é realizada em parceria com o Instituto Opinar, demonstrou que a zona Sudeste aumentou a quantidade de casos e representa 32% dos positivados. A zona Norte aparece em seguida, com 29%, e apresentou uma tendência de queda em relação a sondagem passada. A zona Sul nesta etapa da pesquisa representa 21% das pessoas positivas para a Covid-19. A zona Leste aparece com 18% dos casos.

No que diz respeito à faixa etária, as pessoas com idade entre 25 a 34 anos continuam liderando entre os positivados e representam 29% dos casos. Os jovens entre 15 e 24 anos estão logo em seguida, com 18%, bem como os adultos com idade entre 35 a 44 anos, no qual o índice de positivados está também em 18%.  Logo abaixo, com 14%, estão as crianças e adolescentes nas faixas de 0 a 14 anos e os adultos com 45 a 54 anos aparecem entre os 11%. Já nas idades entre 55 a 69 a taxa está em 7%, e entre maiores de 70 anos o índice de positivados é de 4%, aumentou em relação a etapa anterior, onde esse índice tinha sido zerado.

Confira AQUI o resultado da pesquisa.

Fonte: PMT

Continue Lendo

Teresina

Firmino adia reabertura do comércio após estabelecimentos serem flagrados funcionando de forma irregular

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Thais Souza/ Encarando

O prefeito Firmino Filho (PSDB), informou nesta quarta-feira (8), que o a segunda etapa de reabertura de parte do comércio, prevista para ocorrer no dia 13, foi adiada para 20 de julho. A decisão, foi tomada, segundo o prefeito, porque está havendo desrespeito ao decreto de isolamento social, com funcionamento de estabelecimentos no Centro de Teresina funcionando irregularmente.

“Vamos adiar para o dia 20, porque está havendo muito desrespeito ao decreto. Quando iniciamos o processo, muitos setores não autorizados a funcionar, começaram a funcionar. Se continuar, vamos tomar uma medida impopular, que é o rodízio de veículos”, disse o prefeito.

Firmino ainda comentou sobre a movimentação no Centro da cidade e chamou atenção aos riscos.

“Fiquei horrorizado ao ver a quantidade de carros no Centro. As pessoas não querem esperar mais duas semanas, para sairmos disso com segurança. Assim, estão colocando em risco a nossa estratégia, funcionando de forma clandestina. Se cada um fizer o que der na telha, vamos sair quando dessa situação? Estamos fazendo um pacto para uma retomada gradual e segura, mas se não for cumprido, o poder público, de forma responsável, pode retroceder”.

As atividades que tiveram suas reaberturas adiadas são:

– Comércio de veículos e motocicletas
– Comércio de peças e acessórios novos para veículos e motocicletas
-Manutenção e reparação de veículos automotores
– Comércio por atacado e a varejo de motocicletas e motonetas novas e usadas
– Comércio por atacado e a varejo de peças e acessórios novos e usados para motocicletas e motonetas
– Representantes comerciais e agentes do comércio de motocicletas, peças e acessórios
– Atividades de teleatendimento

Estabelecimentos autuados

Foto: Renato Bezerra

Durante operação realizada na manhã de ontem, a Guarda Civil Municipal de Teresina fez 12 autuações de estabelecimentos que estavam.funcionando irregularmente, descumprindo os decretos municipais que restringem as atividades econômicas durante a pandemia da Covid-19.

Continue Lendo

Teresina

Ônibus voltam a circular em Teresina nesta quarta (8) com frota reduzida

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Divulgação/Strans

A partir desta quarta-feira (08) o transporte público de Teresina volta a funcionar de forma reduzida, com 70% da frota, das 6h às 9h e das 17h às 19h, que correspondem aos horários de pico, e 30% nos demais horários. Os ônibus sairão dos bairros com destino ao Centro e serão aceitos os cartões eletrônicos.

A desembargadora do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), Liana Chaib, determinou na terça-feira o retorno do transporte público sob pena de multa diária de R$ 50 mil por dia para o Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transportes Rodoviários (Sintetro). A decisão da desembargadora foi com base no pedido de dissídio coletivo ajuizado pelo procurador Regional do Trabalho, João Batista Machado Júnior.

Weldon Bandeira, gestor da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), especifica que apesar das dificuldades de negociação foi possível estabelecer parâmetros para o retorno da circulação dos ônibus. “Foi acatada a decisão do TRT pelo bem da parcela da população que necessita desse serviço público para os deslocamentos que devem ser os estritamente necessários, pois ainda estamos vivendo uma pandemia”, cita.

A Strans vai fiscalizar o cumprimento da frota estipulada pelo TRT e será responsável pela sanitização das estações de embarque e desembarque de passageiros, paradas de ônibus e durante o trajeto dos veículos. Ao Setut cabe a sanitização dos ônibus ao final de cada turno.

Funcionamento do serviço

O retorno do serviço de transporte público de Teresina será com terminais de integração fechados, nesta primeira fase, mas a integração poderá ser feita em um prazo de duas horas em qualquer ponto das linhas com o Centro e nas avenidas Frei Serafim e João XXIII. Enquanto a frota de ônibus estiver reduzida, permanecem funcionando os veículos cadastrados.

Continuam suspensos a gratuidade dos idosos e o passe estudantil, segundo os decretos nº 19.541 de 23 de março e nº 19.635 de 04 de abril, respectivamente.

Continue Lendo
Acqua Blu

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat