Siga as Redes Sociais

Teresina

Relatando dificuldades com empresários, Sintetro pedirá à Prefeitura que medie diálogo com Setut

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

A greve dos motoristas e cobradores irá continuar em Teresina. A informação foi confirmada pelo Sindicato dos Trabalhadores das Empresas de Transporte Rodoviário (Sintetro), após a realização de uma Assembleia nesta sexta-feira (26/02).

O Sindicato ainda disse que irá apresentar uma proposta solicitando a intermediação da Prefeitura de Teresina no diálogo com o Setut. 

“O Sindicato ouviu a proposta apresentada pela Prefeitura de Teresina, de liberar R$ 1,5 milhão para custear os salários e benefícios dos trabalhadores, mas os empresários se recusam a assinar a convenção coletiva de trabalho. E o fato de não assinarem essa convenção, representa um prejuízo ao trabalhador, porque ela é uma norma que regulamenta a prestação do serviço, explicitando as obrigações do trabalhador e do empresário. Então, a categoria decidiu pegar a minuta dessa proposta e irmos à Prefeitura para pedir que a gestão municipal faça uma mediação junto aos empresários, para que eles assinem essa convenção.É importante explicar que a mesma não onera em nada os empresários, trata-se apenas de uma regulamentação de serviço. Então, não há motivos para os empresários seguirem nesse impasse”, explicou Francisco Sousa, secretário de Previdência do Sintetro.

Francisco Sousa ainda relatou sobre a dificuldade de diálogo com os empresários.

“A cada rodada de negociações que temos com os empresários, eles mudam as propostas, apresentando uma pior que a outra. Então, entendemos que eles não querem negociar com a classe trabalhadora”.

Conforme o Sintetro, a recusa dos empresários em assinar o convenção coletiva de trabalho é o único impasse que restou para findar os problemas relacionados à classe. Outros pontos anteriormente reivindicados como salário e demais benefícios, como plano de saúde e tiquete alimentação, já foram resolvidos.

Vacinação

PI anuncia vacinas para público de 60 a 64 anos, mas há cidades que ainda não vacinaram de 65 a 69

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Divulgação

O Piauí recebe nesta sexta-feira (16/04) mais 87 mil doses de vacinas, para dar segmento à campanha de vacinação contra a Covid-19. Serão 34 mil doses da Coronavac e 53 mil da Astrazeneca.

Conforme nota do governo, com as 34 mil doses da Coronavac, o Piauí vai aplicar a segunda dose em 2% dos trabalhadores da saúde; segunda dose de 23% do público de 65 a 69 anos; primeira dose de 3% dos trabalhadores da saúde; primeira dose de 6% dos trabalhadores das Forças Armadas e Segurança e primeira dose de 1,9% das pessoas de 60 a 64 anos.

Já as 53 mil doses da Astrazeneca serão utilizadas para a primeira dose de 46% das pessoas de 65 a 69 anos; primeira dose de 0,5% dos idosos de 60 a 64 anos.

No entanto, um questionamento foi levantado pela população, como vacinar as pessoas de 60 a 64 anos, se há cidades em que ainda não foram vacinados os de 65 a 69?

Segundo informado, a Sesapi repassa uma certa quantidade de vacinas para cada município. No entanto, apesar de seguirem um plano nacional, cada cidade age conforme a organização de cada secretaria municipal que vacina por faixa etária ou por classes prioritárias, como trabalhadores de saúde e das Forças de Segurança Pública que estão na linha de frente no combate ao Covid-19.

Em Teresina, por exemplo, os idosos de 65 anos ainda não foram vacinados [Nesta faixa etária, apenas acamados receberam a dose na capital], enquanto outros municípios do interior, já chegaram, inclusive, a aplicar doses no grupo de 60 anos.

FMS divulga nota anunciando vacinação de público de 65 e 66 anos

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina divulgou hoje, 15, o calendário de vacinação contra a Covid-19 dos próximos dias. A FMS chama atenção que pela manhã devem comparecer aos postos as mulheres e pela tarde os homens.

Amanhã, 16, serão aplicadas segundas doses de vacina em pessoas de 78 anos. No sábado, 17, acontecerão segundas doses para a faixa etária de 77 anos e também primeiras doses para pessoas com 66 anos. Domingo é a vez das pessoas de 65 anos garantirem suas primeiras doses.


Drives vacina Covid de 16, 17 E 18 de abril

16 de abril (9h às 13h – mulheres) – (13hàs 17h homens)
SEGUNDA DOSE 78 anos
• Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Campus Torquato Neto – Rua João Cabral, 2231, Bairro Pirajá.
• Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU – Norte) – Avenida Ministro Sergio Mota, S/N, Bairro Santa Maria da Codipi.
• Terminal de Integração Zoobotânico – Avenida Presidente Kenedy, Bairro Zoobotânico.
• Teresina Shopping – Edifício Garagem G1 – Avenida Raul Lopes, 1000, Bairro dos Noivos.
• Terminal de Integração Livramento – Avenida dos Expedicionários, S/N, Bairro Dirceu.
• Faculdade Estácio de Teresina – Estacionamento da Faculdade na Avenida dos Expedicionários, Bairro São João.
• Terminal de Integração Parque Piauí – Avenida Marechal Juarez Távora, 118, Bairro Parque Piauí (próximo ao clube dos Cem).
• Terminal de Integração Bela Vista – Avenida Prefeito Wall Ferraz, Bairro Bela Vista.
• Centro Universitário Santo Agostinho – Avenida Professor Valter Alencar, 855, Bairro São Pedro.

17 de abril (9h às 13h – mulheres) – (13hàs 17h homens)
PRIMEIRA DOSE 66 ANOS:
• Centro Universitário Santo Agostinho – Avenida Professor Valter Alencar, 855, Bairro São Pedro;
• Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU- Norte);
• Terminal de Integração Buenos Aires;
• Terminal de Integração Zoobotânico;
• Terminal de Integração Bela Vista;
• Terminal de Integração Livramento;
• Centro Universitário Uninovafapi;
• Terminal de Integração Itararé

SEGUNDA DOSE 77 ANOS:
• Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Campus Torquato Neto – Rua João Cabral, 2231, Bairro Pirajá;
• Terminal de Integração Parque Piauí – Avenida Marechal Juarez Távora, 118, Bairro Parque Piauí (próximo ao clube dos Cem);
• ADUFPI – Av. Universitária, 391, Bairro Ininga;
• Teresina Shopping – Edifício Garagem G1 – Avenida Raul Lopes, 1000, Bairro dos Noivos;
• Faculdade Estácio – Av. dos Expedicionários, 790 – São João

18 de abril (9h às 13h – mulheres) – (13hàs 17h homens)
PRIMEIRA DOSE 65 ANOS:
Centro Universitário Santo Agostinho – Avenida Professor Valter Alencar, 855, Bairro São Pedro;
• Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU- Norte);
• Terminal de Integração Buenos Aires;
• Terminal de Integração Zoobotânico;
• Terminal de Integração Bela Vista;
• Terminal de Integração Livramento;
• Centro Universitário Uninovafapi;
• Terminal de Integração Itararé
• Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Campus Torquato Neto – Rua João Cabral, 2231, Bairro Pirajá;
• Terminal de Integração Parque Piauí – Avenida Marechal Juarez Távora, 118, Bairro Parque Piauí (próximo ao clube dos Cem);
• ADUFPI – Av. Universitária, 391, Bairro Ininga;
• Teresina Shopping – Edifício Garagem G1 – Avenida Raul Lopes, 1000, Bairro dos Noivos;
• Faculdade Estácio – Av. dos Expedicionários, 790 – São João

Continue Lendo

Teresina

Justiça derruba decreto de Dr. Pessoa e proíbe abertura do comércio na sexta-feira (16)

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Divulgação

O juiz Aderson Antônio de Brito Nogueira, da 1ª Vara dos Feitos da Fazenda Pública da Comarca de Teresina, derrubou através de liminar, o decreto publicado pelo prefeito de Teresina, Dr. Pessoa (MDB), que autorizava o funcionamento do comércio até sexta-feira (16/04) na capital.


O pedido foi feito pelo Governo do Piauí, que alegou que o decreto assinado por Pessoa enfraquece as medidas sanitárias adotadas pelo Estado. Dessa forma, o magistrado acatou o pedido do governo e, estipulou que apenas os serviços essenciais devem permanecer em funcionamento na sexta-feira. Dessa forma, o funcionamento do comércio em geral dos dias 16 a 18 de abril será exclusivamente para sistema delivery ou drive-thru. Em caso do não cumprimento da liminar, a Prefeitura de Teresina terá que pagar multa no valor de R$ 50 mil.

Essa é a segunda vez que há divergências entre a Prefeitura e o governo sobre a abertura das atividades comerciais em Teresina. 

Continue Lendo

Teresina

Veja fotos da destruição deixada por internos após rebelião no CEM

Laurivânia Fernandes

Publicado

em

Foto: Divulgação/PM

Imagens divulgadas pela Polícia Militar, mostram os rastros de destruição deixados após a rebelião no Centro Educacional Masculino (CEM), em Teresina, nesta terça-feira (14/04), que resultou na fuga de 40 internos.

Nas fotos, é possível ver que colchões foram queimados, paredes derrubadas e o teto deteriorado. Por conta do desgaste, cerca de 25 menores precisaram ser transferidos. Outros 28, permanecem no Centro. Até agora, não há informações do que pode ter motivado o ato.

A Sasc, que é responsável pelo Centro, informou que cai vai fazer um levantamento dos danos causados.

Recapturas

A Guarda Municipal informou que, até o momento, conseguiu recapturar cinco menores. Entre eles, adolescente de 17 anos que cumpre medida socioeducativa pelo assassinato do estudante de medicina, Antônio Rayron Soares de Holanda, ocorrido na Avenida Miguel Rosa, na zona Sul de Teresina, no ano de 2018.

Veja imagens:

Foto: Divulgação/PM
Foto: Divulgação/PM
Foto: Divulgação/PM
Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat