Siga as Redes Sociais

Saúde

Piauí registra 38 mortes por Covid-19

Redação Encarando

Publicado

em

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) divulgou na noite dessa sexta-feira (08) que o estado do Piauí registrou a 38ª morte por Covid-19. Os números de óbitos e casos confirmados seguem subindo a cada dia que passa. No Piauí já existem 1.233 casos da doença.

O último óbito registrado por coronavírus foi uma idosa de 89 anos, com histórico de hipertensão e diabetes, que faleceu em um hospital particular de Teresina. Em apenas 24h, a Sesapi registrou 102 novos casos de coronavírus no Piauí.

Ainda conforme o boletim, 87 cidades do estado tem casos de Covid-19. As cidades Cocal de Telha, Fronteiras, Ipiranga, Redenção do Gurguéia e São João da Fronteira registraram casos confirmados da doença pela primeira vez.

Saúde

PI: Caldeirão Grande registra a 1ª morte por Covid-19

Avatar

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde (Sesapi) divulgou nesta quarta-feira (20), que o estado do Piauí registrou em 24h, 09 óbitos e 774 casos de COVID-19. O estado já registrou 152.997 casos confirmados e 2.976 mortes.

Duas mulheres e sete homens não resistiram às complicações do coronavírus. Elas eram das cidades de Bela Vista do Piauí (83 anos) e Riacho Frio (65 anos). Os homens eram de Alegrete do Piauí (77 anos), Caldeirão Grande do Piauí (72 anos), Oeiras (82 anos), Parnaíba (60 anos) e Teresina (11,74 e 82 anos). Apenas a criança de 11 anos não possuía comorbidades.

Os casos confirmados no estado somam 153.771 distribuídos em todos os municípios piauienses. Já os óbitos pelo novo coronavírus chegam a 2.985 e foram registrados em 204 municípios. Até agora, morreram 1.751 homens e 1.234 mulheres.

Continue Lendo

Brasil

Sem insumos, produção da CoronaVac no Butantan está parada desde domingo

Karytha Leal

Publicado

em

O Instituto Butantan já envasou todo insumo disponível no momento para a fabricação da CoronaVac, vacina contra a covid-19, e está com as máquinas paradas desde o último domingo (17). O instituto aguarda a chegada de mais matéria-prima da China para continuar a produção do imunizante.

A maioria das doses fabricadas pelo Butantan já foi envasada e estão prontas para distribuição, e uma parte da produção está em fase de rotulagem e embalagem, segundo o instituto.

Segundo o presidente do Butantan, Dimas Covas, a previsão de chegada dos insumos é até o final de janeiro. “Nossa previsão de chegada até o fim deste mês é de 5.400 litros. E mais 5.600 litros até o dia 10 de fevereiro. Essa matéria-prima está pronta e aguardando trâmite burocrático”, disse.

Com essa quantidade de produto em mãos, o Butantan afirma que pode produzir até 11 milhões de novas doses da CoronaVac — desde segunda-feira 6 milhões de doses do imunizante, produzido pelo laboratório chinês Sinovac, foram distribuídos no Brasil. Outros 4,8 milhões estão prontos, aguardando autorização da Anvisa para serem disponibilizadas.

Ainda segundo Covas, há quatro instâncias de órgãos estatais chineses responsáveis por dar o aval à liberação e a autorização para o envio da carga ao Brasil está na última instância.

Dobrar a capacidade de produção;

Assim que chegarem os novos insumos da China, a expectativa do Butantan é conseguir duplicar a produção da vacina, passando de 1 milhão para 2 milhões de doses diárias do imunizante.

Para isso, é necessário que os cientistas consigam finalizar a produção da vacina contra a influenza, sendo possível, assim, concentrar dois setores inteiros do instituto na produção da CoronaVac.

Entrave sobre insumos;

A importação de insumos da China se tornou mais urgente depois que o governo federal fracassou na aquisição das vacinas da AstraZeneca/Oxford, produzidas em laboratório na Índia, fazendo com que a CoronaVac se tornasse o único imunizante disponível para os brasileiros.

Tanto o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), quanto Dimas Covas cobraram celeridade e seriedade do governo de Jair Bolsonaro para ajudar nas tratativas para liberação dos insumos da vacina.

Hoje, após se encontrar com o embaixador da China, Yang Wanming, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que o atraso na exportação do material para Brasil ocorre por razões técnicas, e não políticas.

A relação do governo brasileiro com a embaixada da China no país tornou-se tensa depois de o chanceler brasileiro Ernesto Araújo e o filho do presidente Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) fazerem críticas à China e ao embaixador chinês. Eduardo chegou a culpar a “ditadura chinesa” pela pandemia do novo coronavírus.

Em resposta a uma das críticas, feitas pelo filho do presidente e deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), a embaixada da China no Brasil citou “consequências negativas” para o governo pelas afrontas.

Continue Lendo

Saúde

Piauí registra 8 mortes e 786 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

Avatar

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde (Sesapi) divulgou nesta terça-feira (19), que o estado do Piauí registrou em 24h, 08 óbitos e 786 casos de COVID-19. O estado já registrou 152.997 casos confirmados e 2.976 mortes.

Cinco homens e três mulheres foram vítimas da Covid-19. Eles eram das cidades de Campo Maior (85 anos), Coronel José Dias (62 anos), Pio IX (25 anos), São João da Canabrava (68 anos) e Teresina (77 anos). As mulheres eram de Assunção do Piauí (82 anos), Oeiras (80 anos) e Teresina (30 anos). Todas as vítimas possuíam comorbidades.

No boletim de hoje estão sendo ajustados dois óbitos. A naturalidade de uma vítima sai de Monsenhor Hipólito para Picos e de outra, sai de Picos para Paquetá. A mudança já foi feita no boletim epidemiológico.

Os casos confirmados no estado somam 152.997 distribuídos em todos os municípios piauienses. Já os óbitos pelo novo coronavírus chegam a 2.976 e foram registrados em 203 municípios. Até agora, morreram 1.744 homens e 1.232 mulheres.

Continue Lendo
Casas Duplex

Trending

Copyright © 2018 Encarando - Silas Freire. Todos os Direitos Reservados.
WhatsApp: 86. 98183-1178 / Fixo: 3234-9879
Email: encarando.com@gmail.com

WhatsApp chat